Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Advogado detido por suposto abuso sexual teria batido carro antes de denunciado

13 janeiro 2010 - 17h09


O advogado Newton Antonio Bueno Nemir, detido hoje no shopping Campo Grande, por suposto abuso sexual, teria batido o carro também hoje no cruzamento da rua Bahia com avenida Mato Grosso e fugido do local, antes de ser denunciado.
Nemir, que seria servidor do NAJ (Núcleo de Assessoramento Jurídico), um braço da AGU (Advocacia-Geral da União), teria tentado agarrar uma vendedora de uma loja do shopping, levado para a delegacia, solto, retornado ao shopping e feito novas investidas contra outras vendedoras.
Ele foi levado para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), onde presta depoimento. Nemir teria batido o carro, um Gol, num Corola ocupado por três mulheres e uma criança. Ele fugiu depois, mas agora foi reconhecido na delegacia. Um parente do advogado se responsabilizou pelo acidente e disse que o denunciado enfrenta “problemas psiquiátricos.
Daqui a pouco, mais informações
iniciaCorpo("15;12;16;13;17;14;18;15");

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONTRABANDO
Mais de 700 celulares que seriam levados ao MT são apreendidos
DOURADOS
Porta-voz da prefeita diz que decretos têm base técnica após crítica do empresariado
DOURADOS
Em nova ação, BPW entrega aventais e máscaras para trabalhadores da saúde
PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
ECONOMIA
Agronegócio sul-mato-grossense vendeu 87% da soja e 37% do milho
TRÁFICO
Polícia apreende mais de meia tonelada de maconha durante barreira sanitária
PANDEMIA
Com crescimento no número de casos de coronavírus, Dourados inicia barreira sanitária
TACURU
Homens são abordados transportando drogas em ônibus na MS-295
DOURADOS
Prefeitura homologa mais R$ 78 mil em dispensas de licitação para compra de EPI’s
CAARAPÓ
Jovens são apreendidos com 81kg de drogas na MS-156

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher