Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Adolescente se entrega e diz que matou por engano

02 abril 2008 - 09h32

Um adolescente de 16 anos, morador na Vila Rosa, em Dourados, se apresentou nesta quarta-feira ao 1º Distrito Policial de Dourados, confessando o assassinato e disse que Marcelo Ortiz Gonzáles, 22 anos, não era o alvo e foi morto por engano.  O garoto disse que pretendia atingir outro adolescente, mas que Marcelo acabou sendo baleado sem querer. O crime aconteceu na Rua José de Alencar, na Chácara dos Caiuás.

O adolescente disse que perdeu a arma do crime. Segundo ele, a briga com o outro menor foi iniciada quando ambos estavam na Unei. Ele foi encaminhado para a Delegacia do Menor para prestar depoimento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CARAVANA DA SAÚDE
SES solicita à pacientes atualização cadastral do Cartão do SUS para realização de exames e cirurgia
BRASIL
Integrantes da CPI entregam relatório final à PGR e ao STF
Homem é morto após confronto com a polícia na Capital
REGIÃO
Homem é morto após confronto com a polícia na Capital
Veja cinco dicas valiosas para começar a investir com segurança
NEGÓCIOS E CIA
Veja cinco dicas valiosas para começar a investir com segurança
Em Nova Alvorada do Sul, Riedel entrega obras estruturantes que vai mudar o cenário da região
INFRAESTRUTURA
Em Nova Alvorada do Sul, Riedel entrega obras estruturantes que vai mudar o cenário da região
BELA VISTA
Homem abate dourado e acaba preso e autuado em R$ 5,1 mil
CAMPO GRANDE
Acidente entre carretas deixa uma pessoa morta e outra presa às ferragens
LEGISLATIVO DE MS
Após indicação de Neno Razuk, Governo do Estado divulga edital de concurso para perito forense no MS
MS-426
Homem é preso por pesca e transporte ilegal de pescado
TV DOURADOS NEWS
Associação de Apoiadores do Hospital do Amor encerra com carreata as ações do Outubro Rosa

Mais Lidas

DOURADOS
Namorada posta 'status' de jovem com arma, polícia rastreia carro e prende rapaz
LAGUNA CARAPÃ
Motorista morre prensado ao tombar caminhão na MS-379
DOURADOS
Três vias de Dourados passam a ser "mão única"
DOURADOS
Jovem formou consórcio com amigos para comprar e usar ecstasy em festas