Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Adolescente se apresenta dizendo que matou menor

22 outubro 2004 - 11h21

Um adolescente de 17 anos acaba de se apresentar ao delegado Oduvaldo de Oliveira Pompeu, o Telê, no 1º Distrito Policial, afirmando ter sido o autor do crime que matou outro menor, da mesma idade, residente na Vila Brasil 500, que foi morto na madrugada de hoje após ter sido baleado na nuca ontem à noite na esquina das ruas 20 de Dezembro com a antiga W l0, no Jardim Água Boa. O menor disse que já tinha uma rixa antiga com a vítima e ontem os dois se desentenderam e ele acabou cometendo o crime. Após ter apresentado a arma que teria sido utilizada, ele está sendo agora encaminhado à Delegacia do Menor, onde deverá ser ouvido pelo delegado Roberto Queiroz Coelho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cinco são presos com produtos químicos que seriam levados para Bolívia
Cinco são presos com produtos químicos que seriam levados para Bolívia
UEMS
Últimos dias de inscrição para Especialização em Direito Difusos e Coletivos
PARANAÍBA
Dono de ferro velho é preso por receptação com 80 metros de trilhos
Câmara de Dourados aprova 22 projetos de lei em sessão ordinária 
POLÍTICA
Câmara de Dourados aprova 22 projetos de lei em sessão ordinária 
Polícia prende traficante e batedor com 380 quilos de maconha e skunk
BONITO
Polícia prende traficante e batedor com 380 quilos de maconha e skunk
TJ/MS
Provas do concurso para cartórios extrajudiciais serão realizadas no dia 22
Criança com crises convulsivas no Pantanal é socorrida por avião
NÚMEROS DA PANDEMIA
Média móvel de mortes por Covid no Brasil fica abaixo de mil pelo 3º dia
GUIA LOPES
Empresário de 32 anos é encontrado morto na frente da residência
UFGD
Abertas as inscrições de trabalhos para o Seminário Regional de Extensão

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS