Menu
Busca sexta, 23 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
MUTIRÃO

Ação conjunta na Aldeia Jagaupiru contabiliza 760 atendimentos de saúde

Ação conjunta na Aldeia Jagaupiru contabiliza 760 atendimentos de saúde

11 novembro 2017 - 07h45Por Assessoria

A sexta-feira (10) foi de grande movimento na Aldeia Jaguapiru, localizada na Reserva Indígena de Dourados, com as atividades da primeira edição da ação Ebserh Solidária, realizada em todo o país com o objetivo de levar atendimentos em saúde a comunidades em situação de vulnerabilidade social.

O Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD) teve a parceria da UFGD e da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) para realizar os atendimentos na Escola Indígena Tengatui Marangatu e na Unidade Básica de Saúde Jaguapiru II.

Entre consultas e exames, foram contabilizados 760 atendimentos na sexta-feira, além de ações educativas e recreativas, e outros exames realizados no próprio hospital em outras datas, já como parte da ação. O levantamento prévio feito pela Sesai indicava aproximadamente 600 procedimentos prioritários em fila de espera, entre consultas e exames, para moradores das aldeias Jaguapiru, Bororó, Panambizinho e de acampamentos próximos.

O HU-UFGD mobilizou profissionais para atender pacientes que já aguardavam por consultas reguladas em ginecologia, oftalmologia, cardiologia e cirurgia geral (consultas pré-operatórias). Na área de diagnóstico, foram realizados exames laboratoriais e de imagem, entre eles ultrassonografia, raio-X, tomografia, além de eletrocardiogramas e ecocardiogramas. Também houve atendimentos em odontologia e fonoaudiologia.

Foram realizadas, ainda, coletas de sangue para exames de doenças sexualmente transmissíveis e PSA (que indica câncer de próstata), coletas de material para exame preventivo de câncer ginecológico, e análise nutricional. Essas atividades integram o “Estudo multicêntrico em doenças infecciosas na população indígena da reserva de Dourados”, realizado por docentes e acadêmicos da UFGD e da Unigran.

Quem compareceu, ainda teve acesso a atividades educativas sobre o uso correto de medicamentos, métodos não farmacológicos para alívio da dor e posições que favorecem a evolução do parto, e promoção do aleitamento materno. Para crianças, houve recreação orientada por profissional de educação física e alunos da Residência Multiprofissional em Saúde, além de orientações sobre a higiene das mãos.

Núcleo de saúde indígena


Integrando a programação da ação Ebserh Solidária, a Superintendência do HU-UFGD promoveu uma reunião preparatória para a composição e instalação de um núcleo multidisciplinar de atendimento integral à saúde indígena no hospital.
 
A criação do núcleo foi proposta a partir da necessidade de estabelecer uma interlocução eficaz entre todos os segmentos que já prestam atendimento às comunidades indígenas da macrorregião de Dourados, especialmente na área da saúde, bem como a necessidade de estabelecer um fluxo de informações que favoreça a otimização dos serviços prestados, possibilitando ainda o atendimento às novas diretrizes e critérios para repasse do Incentivo para a Atenção Especializada aos Povos Indígenas (IAEPI), no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), estabelecidos pela Portaria 2663, do Ministério da Saúde, com data de 11/10/2017.
 
Participaram da reunião representantes de diferentes setores do HU-UFGD, da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai – Polo Base de Dourados), do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) em Mato Grosso do Sul e da Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul. Entre os encaminhamentos, ficou definido que os participantes irão ampliar o debate, estendendo a outras instâncias envolvidas na questão, a discussão sobre as novas diretrizes de atendimento à saúde indígena.
 
Sobre a Ebserh


Estatal vinculada ao Ministério da Educação, a Ebserh administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo da Rede Ebserh é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no País, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRANSPORTE
Agepan autoriza novos horários para a linha Três Lagoas-Campo Grande
PRAZO
Pedidos de isenção da taxa dos vestibulares da UFGD terminam hoje
JARDIM
PMA apreende seis filhotes de periquitos encontrados dentro de baldo
SAÚDE & BEM - ESTAR
Unimed Dourados lança um aplicativo para os médicos cooperados
RESTITUIÇÃO
Receita Federal abre consulta ao lote residual do IR nesta sexta-feira
BRASILÂNDIA
Polícia apreende caminhão com seis toneladas de maconha na MS-040
TEMPO
Sexta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
NEGÓCIOS & CIA II
Principais Benefícios da Energia Solar!
NOVA ANDRADINA
Dono de auto elétrica é encontrado morto no interior de oficina
ECONOMIA
Bolsonaro sanciona projeto de lei que cria poupança social digital

Mais Lidas

DOURADOS
Carona de motociclista que morreu em acidente com carreta corre risco de ter perna amputada
DOURADOS
Vítima de acidente na Marcelino Pires morre na mesa de cirurgia
FEMINICÍDIO
Agredida a tijoladas, mulher morre em Dourados após nove dias de internação
POLÍCIA
Carona de motociclista que morreu em acidente é transferida para o Hospital Universitário