Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Acadêmicos se mobilizam pelo professor acusado de racismo

22 setembro 2004 - 11h30

Um grupo de mais de 100 alunos da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) em Nova Andradina está se mobilizando através de um abaixo-assinado em favor do professor de Física Acriano Manoel dos Santos, recentemente acusado por um universitário de Ivinhema, de racismo. O aluno fez a acusação porque o professor estaria contanto piadas sobre negros, homosexuais e índios em sala de aula.As alunas Leia Alves e Marilucia Vieira, que integram a comissão pelo professor, disseram esta manhã que em nenhum momento houve denúncia contra o professor em unidade de Nova Andradina, diferente do que vinha sendo veiculado pela mídia. De acordo com elas, o professor não teria feito brincadeiras que pudessem atingir a moral de alguém e as acadêmicas também reclamam de os alunos de Nova Andradina não terem sido ouvidos no caso. Os acadêmicos pretendem encaminhar moção de apoio ao professor aos órgãos competentes do Estado.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARANAÍBA
Jovem mata ex-namorado da mãe a facadas após presenciar agressão
SENADO
CPI vai questionar negociações do Itamaraty para garantir cloroquina
ANHANDUÍ
Pedestre morre após ser atropelado por caminhão baú na BR-163
IMUNIZANTES
Saúde receberá 8,2 milhões de doses de vacina até sexta-feira
Homem que abusou da mulher é denunciado por estuprar a filha
FUTEBOL
Costa Rica vence Aquidaunense e retoma a liderança do Estadual
CRIME AMBIENTAL
Animais são abandonados, morrem e mulher é multada em R$ 4 mil
JUSTIÇA
Juiz determina que Carla Zambelli tire vídeo da canção 'Milla' do ar
CAPITAL
Homem morre após cair de três metros ao conferir estoque de loja
TJ/MS
Concurso Extrajudicial terá audiência pública no dia 27 de maio

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
INDÁPOLIS
Homem assassinado em distrito sofreu vários golpes de facão e teve mão decepada
DOURADOS
Juiz manda Câmara exonerar nomeados e realizar novo concurso público