Menu
Busca quarta, 04 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

80% de advogados reprovam no exame da Ordem no Pará

22 outubro 2004 - 12h41

A Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Pará reprovou 80,61% dos candidatos em seu segundo exame de Ordem. Na lista que acaba de ser divulgada pela Comissão de Estágio e Exame da Seccional Paraense e enviada ao Conselho Federal da OAB, dos 520 candidatos inscritos, apenas 19,39% bacharéis em Direito conseguiram aprovação. Para o presidente da OAB-PA, Ophir Cavalcante Junior, o resultado indica que o ensino jurídico está em estado pré-falimentar. "As faculdades passaram a ser verdadeiras indústrias de diplomas e, se não conseguem formar bons bacharéis, demonstram faltar competência até mesmo para atuar como empresas". Na opinião do presidente da Comissão de Estágio e Exame da OAB do Pará, Edílson Dantas, "o fracasso na aprovação dos estudantes está relacionado à dissociação entre a teoria e a prática jurídica, o desconhecimento da grande parte das instituições de ensino com relação às habilidades necessárias para a formação do bacharel em uma sociedade ainda carente de direitos".

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Usina sucroenergética é multada em R$ 2,550 mi por incêndio em matas
BRASIL
Deputados aprovam texto-base de projeto sobre regularização fundiária
Avião apreendido com cocaína é de piloto do MS preso por tráfico
EDUCAÇÃO
UFGD oferece vagas em disciplinas isoladas em mestrado e doutorado
Mulher é multada em R$ 5 mil por construção de um rancho pesqueiro
MEIO AMBIENTE
Mulher é multada em R$ 5 mil por construção de um rancho pesqueiro
FUTEBOL
Vanderlei Luxemburgo é o novo técnico do Cruzeiro
NOVA ANDRADINA
Polícia apreende 310 quilos de maconha e 16,5 quilos de skunk na BR-376
REGIÃO
Agosto Lilás, lança campanha de enfrentamento à violência doméstica
Arara-canindé morre eletrocutada após bater em fiação de energia
COMISSÃO
Deputados convocam Braga Netto a explicar suposta ameaça às eleições

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS
DOURADOS
Motorista embriagado foge, causa acidente e termina preso