Menu
Busca segunda, 10 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
REGIÃO

À espera de chuva, produtores têm até dia 20 para plantar milho e reduzir riscos

12 março 2020 - 11h35Por André Bento

Com 60% do milho plantado, produtores de Dourados ainda aguardam previsões climáticas confiáveis de chuva para concluir a semeadura até 20 de março, prazo final do Zoneamento de Risco Climático do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A seca que persiste há 14 dias já castiga áreas cultivadas na região.

De acordo com o mais recente boletim Casa Rural divulgado pela Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), até o dia 6 passado o plantio no Estado já alcançava aproximadamente de 1,186 milhão de hectares, ante a estimativa de 1,977 milhão de hectares para essa safra.

Em Dourados, com mais da metade da área plantada, a Embrapa Agropecuária Oeste não registra chuva expressiva desde 27 de fevereiro. Segundo o agrometeorologista Carlos Ricardo Fietz, esse é um dos fatores, somado à colheita tardia da soja, que atrasa a conclusão dos trabalhos.

“A recomendação de plantio para Dourados e região vai até o dia 20, está dentro do prazo, para combinação mais comum de solos argilosos, cultivares precoces, e risco de 20% que o zoneamento utiliza, ou seja, oito safras favoráveis em 10, no mínimo”, explicou ao Dourados News.

Segundo o pesquisador da Embrapa Agropecuária Oeste, alguns produtores ainda aguardam uma previsão confiável de chuva para plantar. “Realmente tem uma previsão para semana que vem. A partir do dia 17 ou do dia 18 as chuvas devem voltar, porque março é sempre 40 milímetros a média histórica e esse mês ainda não choveu. Já são 14 dias sem chuva, porque também somam dias de fevereiro”, informou.

Fietz afirma que com uma previsão confiável o plantio pode ocorrer mesmo no seco, contando com essa chuva. “O que não pode e aconteceu de plantarem esperando chuva e não veio. Aí tem prejuízo”, alerta.

Em todo o Estado, 60% da área de milho foram cultivados até 6 de março, conforme apurado pela equipe do Siga-MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio) em contato com empresas de assistência técnica, produtores e sindicatos rurais, bem como empresas privadas dos principais municípios produtores.

A região sul está com o plantio mais avançado, em média de 61,9%. Coronel Sapucaia, Amambai, Fátima do Sul, Antonio João e Maracaju lideram, com 80% ou mais. Dourados tem 60% e Itaporã 50%.

Na região norte, com 56,4%, Alcinópolis já concluiu os trabalhos, Chapadão do Sul e Costa Rica passam de 60%, mas Rio Verde de Mato Grosso ainda está com 20%.

Com 55,9% de média, a região centro é puxada por Rio Brilhante e Sidrolândia, com 70%, e tem com menores índices Bandeirantes e Jaraguari, abaixo de 20%.

Segundo a Embrapa Agropecuária Oeste, para região sul do Estado há 96% de probabilidade de gear em junho, 74% de chances de intensidade forte, com temperatura abaixo de 1ºC.

Mas o agrometeorogolista Carlos Ricardo Fietz alerta que o plantio além do prazo estabelecido no zoneamento acarreta outros riscos. “Tem risco de geada e deficiência hídrica. Geada é o principal, mas a deficiência hídrica também, porque as chuvas vão diminuindo, março já diminuiu em relação a fevereiro e assim por diante, até julho, o mês mais seco da região”, pontua.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UEMS
Universidade da Melhor Idade se prepara para semestre com aulas on-line
FRONTEIRA
Adolescente de 15 anos é executado a tiros e jovem fica em estado grave
AJUDA FINANCEIRA
Caixa credita saque emergencial do FGTS para nascidos em julho
CAPITAL
Homem é atropelado e depois morto a facadas no meio de rua
TEMPO
Segunda-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
CAMPEONATO BRASILEIRO
Santos sai na frente, mas vê Bragantino empatar nos acréscimos
TRÁFICO DE DROGAS
Após perseguição, polícia apreende 300 quilos de maconha
INTERNACIONAL
Polícia entra em confronto com manifestantes em Beirute
CULTURA
Mostra traz 98 filmes de 24 países sobre questões ambientais e sociais
CORONAVÍRUS
Itália tem 463 novos casos de Covid-19 e duas mortes em 24 horas

Mais Lidas

DOURADOS
Homicídio ocorreu após madrugada de farra e confusões na Jaguapiru
REGIÃO
Professora morre ao ter moto atingida por carro
PANDEMIA
Paciente internado em Dourados morre de coronavírus
DOURADOS
Acidente entre carro e moto deixa homem em estado gravíssimo