Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
ARQUITETURA&DESIGN

Sala e cozinha ganham reforma em estilo industrial e materiais de baixo custo

18 outubro 2017 - 11h34Por Da redação

O pedido do jovem publicitário era um apartamento mais amplo, iluminado e que acomodasse seu gosto por arte. Sem esquecer de uma restrição importante: o orçamento reduzido. Na medida em que recebia referências das arquitetas da Rimaz ArqDesign, o proprietário do pequeno imóvel, foi descobrindo sua preferência pelo estilo industrial. Por isso, a sala ganhou tubulações elétricas aparentes, com focos de luz, e uma parede de tijolos expostos.

A área reformada parece maior e mais iluminada após a integração da cozinha com a sala, que era um pedido do cliente. No lugar do piso escuro, foi colocado um porcelanato claro que imita cimento queimado. Para aproveitar bem o espaço, as arquitetas desenvolveram soluções de marcenaria, como a bancada ao lado da TV, que pode virar mesa de jantar, e as estantes estreitas, que acomodam quadros e discos de vinil destacados por iluminação embutida.

O baixo custo do projeto foi garantido pelo uso de materiais econômicos, no armário da cozinha, os palletes compõem tanto a mesa de centro quanto no sofá. Eles foram cortados no tamanho exato para o espaço e colocados um em cima do outro.

Cozinha 

O móvel da cozinha é de OSB, material feito a partir de tiras de madeira recicladas e comprimidas que, além de barato, não atrai cupins. A opção pelo inox na bancada, em vez de pedra e cuba, também reduziu custos. 

Móvel versátil

Desenhada pelas arquitetas, a bancada estreita ao lado da TV é uma peça retrátil que pode se transformar em uma pequena mesa de jantar. Ela foi colocada estrategicamente entre a cozinha e a sala, depois que os dois ambientes foram integrados.

Colorido e cool

As paredes foram pintadas em cores neutras para que os objetos pudessem brilhar. O sofá e as cadeiras amarelas, que já pertenciam ao proprietário, colorem a sala, ao lado de tons de azul, cinza e preto. A decoração também fica por conta dos quadros e vinis apoiados em prateleiras estreitas. Os livros ganharam móvel aéreo feito sob medida, com iluminação embutida.

Ambiente iluminado

A integração da cozinha à sala trouxe maior amplitude e iluminação para o ambiente, que ficou ainda mais claro com a troca do piso escuro por um de porcelanato que imita cimento queimado. Além disso, as paredes foram pintadas na cor Ouro Branco da Suvinil. Acima do passa-prato, luminárias e tubulação elétrica aparente dão um toque industrial e permitem criar focos de luz, sem necessidade de rebaixar o teto com gesso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Ipea revisa para cima projeção da taxa do PIB no setor de agronegócio
CHAPA ÚNICA
Indústria frigorífica de MS elege nova diretoria do Sicadems para o triênio 2020/2023
CULTURA
Fundação prorroga inscrições da Lei Aldir Blanc para artistas de MS até dia 30
CAMPO GRANDE
Polícia Civil apreende cocaína e prensas usadas para remodelar tabletes
PANDEMIA
Decreto estabelece normas de biossegurança para o Dia de Finados em Dourados
JUSTIÇA
Fux diz que atuação do STF na pandemia está na vanguarda mundial
BRASIL
Receita abre amanhã consulta ao lote residual de restituição do IRPF
CULTURA
FCMS lança mais seis editais da Aldir Blanc no valor de R$ 1,4 milhão
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projetos buscam garantir vacinação da população brasileira contra Covid-19
NA CAPITAL
Com cocaína, homem tenta fugir de policiais e colide carro em viatura

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente entre carreta e motocicleta mata mulher na BR-163
HOMICÍDIO EM 2013
Condenada pela morte do ex em Dourados é presa na Capital
DOURADOS
Motorista bêbado causa acidente em semáforo da Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Carona de motociclista que morreu em acidente com carreta corre risco de ter perna amputada