Menu
Busca quarta, 08 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Leia a Coluna semanal de Roberto Costa

08 fevereiro 2013 - 19h50

Ficha encardida I – Renan Calheiros, do PMDB-AL, indiscutivelmente é um político de uma habilidade inquestionável. Quando pressionado à época em era presidente do Senado renunciou para escapar da cassação.



Ficha encardida II – E como os componentes da Casa tem memória curta, ou melhor, vaga lembrança do passado recente, Renan, avalizado por 56 senadores, foi guindado ao cargo de presidente do Senado cujo orçamento de 2013 é de 3,5 bilhões.



Bastidores – Foi por parte de habilidade política que o senador Waldemir Moka não conseguiu emplacar seu nome e assim ascender ao cargo de presidente do Senado da República. Moka não é adepto da “conversa de pé de ouvido”.



Elementar – Assim que soube que “as pessoas casadas estão mais protegidas contra as doenças cardíacas”, cidadão que estava à beira da separação achou por bem dar nova chance para si mesmo. Ou seja: como conselho e caldo de galinha...



Sem inspiração – O consórcio Guaicurus, responsável pela exploração do transporte coletivo campo-grandense, foi infeliz na escolha do tema da campanha contra o Aedes aegypti: “Atropelando a dengue e protegendo a vida”.



Lei do Silêncio – Para comemorar o não cumprimento da “Lei do Silêncio” o proprietário de um bar localizado na Rua Itapeva com a Rua Geraldo Lima de Moraes, no Jardim Itália, desafia as autoridades abusando do volume alto da “cigarra” até altas horas da madrugada.



Rindo a toa – O ex-prefeito campo-grandense, Nelson Trad Filho, não consegue conter a gargalhada quando a pergunta é: “E o Bernal?”.



Residente – Foi com profundo sentimento de pesar que o deputado estadual Diogo Robalinho de Queiroz, o Tita do PPS, recebeu a notícia de que “a água quente que havia jogado não foi suficiente para conter o crescimento da gramínea braquiária”.



Respeito ao povo – O senador Ruben Figueiró de Oliveira (PSDB-MS) rejeitou o pagamento denominado ajuda de custo (14º salário) que cada um dos 81 senadores tem direito a receber... com o dinheiro do contribuinte, é claro.



Sem merenda – Os opositores do prefeito Alcides Bernal andam alardeando pelos quatro cantos da cidade que os alunos da Rede Municipal de Ensino estão aprendendo uma nova matéria: cuidar mais da parte espiritual.



Fartura – Em contrapartida, de acordo com a secretária de Estado de Educação, Professora Maria Nilene Badeca da Costa, os alunos da rede estadual estão sendo muitíssimo bem tratados pela administração peemedebista.



A conferir – Se Paulo Catanante, do Ibrape, estiver certo na projeção que faz em relação ao futuro, o administrador campo-grandense tem tudo para surpreender aliados e adversários quando findar o mandato no dia 31 de dezembro de 2016.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Dos casos de coronavírus em Dourados, três estão curados e um internado
SUSTO
Trabalhador fica apenas com a cabeça para fora de fossa após deslisamento
DOURADOS
Universidade recebe mais 5 mil litros de etanol para produção de álcool 70%
COVID
Brasil registra 800 mortes pelo novo coronavírus
EPIDEMIA
Com mais uma vítima, MS registra 22 mortes por dengue neste ano
BRASIL
Regularização de CPF pode ser feita pelo site da Receita Federal
DECRETOS
População atende apelo e Glória de Dourados fica sem casos suspeitos de coronavírus
IVINHEMA
Com filhos no carro, mulheres são flagradas com mais de 20kg de maconha
GRANDE DOURADOS
Médico faz projeção e expõe capacidade da saúde para atender situação de emergência
REGIÃO
Polícia flagra droga sendo transportada em ambulância para Capital

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher tenta desviar de buraco, é atropelada por carreta e morre
FLEXIBILIZAÇÃO
Com restrições, comércio volta a funcionar amanhã em Dourados
FLEXIBILIZAÇÃO
Confira o que muda em Dourados com novo decreto do comércio
DOURADOS
Vítimas foram atingidas com 12 disparos de pistola no Jardim Carisma