Menu
Busca sexta, 29 de maio de 2020
(67) 99659-5905
Educação

Uma semana de quarentena! Nova rotina

27 março 2020 - 09h50Por O Quintal- Espaço de Leitura e Aprendizagem Mediada

1º Uma semana de quarentena! Nova rotina; estamos tentando fazer as crianças aproveitarem esse tempo e oferecemos muitas atividades e brincadeiras, depois de um tempo com as crianças em casa, talvez, seja necessária uma observação sobre: do quê estamos brincado e do como estamos brincando com elas e o quanto essas brincadeiras estão ajudando e sendo benéficas.

2º E aí você se pergunta: como vou saber? Lembra que quando era criança brincava na rua, tinham várias idades juntas, com primos e amigos, na casa da vó, no parquinho, na escola, mas como aprendia e o quê aprendia com as brincadeiras, isso já é outra história. 

3º Entender este universo não é tão difícil, principalmente por que já o vivenciamos, o que vamos precisar é entrar no mundo da fantasia da criança para que seja mais fácil para ela nos compreender. Assim vamos por etapas, seguindo as orientações de Piaget – dos mais novinhos aos mais velhos. 

4º Começando com os bebês – até 2/3 anos de idade – temos os jogos de exercícios, as brincadeiras nessa fase, geralmente, envolvem movimentos repetitivos e que exploram a relação entre corpo e ambiente. Então dançar, pular, correr, rolar, fazer cócegas, brincar de esconder, construir e destruir, com limitação de tempo, com delimitação de espaço e regras propostas pelo adulto que sigam a necessidade da criança naquele momento. Tudo isso contribui para que seu filho se conheça, cantando “Cabeça, ombro, joelho e pé, joelho e pé”; saiba entender seus limites físicos e se desafie a superá-los, pular com os dois pés e depois apenas em um; construa o sentimento de pertencer ao espaço que ele interage e saiba se orientar espacialmente no mesmo, ao brincar de esconder pela casa; experimente solucionar problema, como subir ou descer de algum lugar; e tantas outras atividades que o ajude a aprender mais sobre si e a confiar em você para guiá-lo sabendo que no final está lá para comemorar com ele o “pulinho do sofá na almofada no chão”.  

5º Passando para as crianças – entre 2/3 até 6/7 anos de idade – temos os jogos simbólicos, nessa fase vamos brincar de “faz de conta”. Faz de conta que o papai é o rei e a mamãe é a rainha, e os filhos são príncipes e princesas – que o castelo/casa em que eles moram está sendo atacado por mini monstros/germes. Faz de conta que o sofá da sala é um barco em alto mar – que estamos navegando em meio a uma tempestade e há tubarões ao nosso redor. Faz de conta que o corredor da casa é um campo minado e que precisamos chegar até um abrigo seguro/cozinha para encontrar o tesouro enterrado/bolo no forno. Faz de conta que nós somos donos de uma confeitaria mágica – as fadas sempre vêm para comprar nuvens congeladas/sorvete e os gnomos, bolinhas de terra surpresa/bolo de chocolate com granulado. Faz de conta que estamos viajando para o futuro – na nossa nave espacial/embaixo da mesa, usamos nossos comunicadores/celulares para pesquisar sobre os planetas que vamos explorar. Faz de conta... 

6º Terminando com as crianças grandes e os pré-adolescentes – entre 6/7 até 11/12 anos de idade – temos os jogos com regras, essa fase as regra, a participação e a cooperação entre os participantes são o que estão “em jogo”, quem não segue não entra no grupo. Está aqui, a principal parte da socialização da criança, nas etapas anteriores ela também se socializa, mas nesta ela efetivamente coloca em prática tudo o que foi treinado e testado antes. As crianças aprendem: a ter autodomínio sobre suas ações; vontade própria e saber quando usá-la; a ter atitudes positivas em relação a pessoas e situações vividas nas brincadeiras; usam os valores aprendidos com os pais, como norte, para solucionar problemas e a conviver bem e de forma equilibrada dentro do grupo. 

7º Brincar, assim, é um trabalho muito importante, até para nós pais/adultos, pois podemos reviver experiências e reencontrar caminhos que, às vezes, estão perdidos ou dos quais nos perdemos. O brincar com a criança é ainda mais gratificante se nos colocarmos como elas, tão curiosas, tão afoitas para viver o momento, tão seguras nas incertezas, tão felizes em ações tão simples. 

Facebook: https://www.facebook.com/espacooquintal

Instagram: https://instagram.com/oquintaldaleitura?igshid=c62i0b92elkm

Endereço: R. Ponta Porã, 2299 - Vila Progresso, Dourados - MS, 79826-080

Telefone: (67) 3033-3799

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ABONO SALARIAL
Prazo para saque do abono do PIS/Pasep 2019-2020 acaba hoje
ESPORTE
Libertadores pode recomeçar com protocolo inspirado no futebol Alemão
PANDEMIA
Em MS, nenhum município atinge índice recomendado de isolamento
IMPOSTO
Detran/MS alerta sobre licenciamento de veículos com placa final 1 e 2
AMAMBAI
Adolescente morre ao bater moto contra árvore em avenida
DOURADOS
MPE quer saber quanto a prefeitura deve para o Previd após parcelamento de R$ 31 milhões
DOURADOS
Jovem é preso em flagrante com mais de 200 ‘trouxinhas’ de pasta base de cocaína
FLAGRANTE
Após denúncia de que estaria articulando mortes, homem é preso armado em Dourados
DOURADOS
Justiça dá mais 10 dias para prefeitura comprovar entrega de materiais para saúde
CAMPO GRANDE
Cunhada agride e tenta sufocar idosa de 90 anos com cobertor em hospital

Mais Lidas

PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
TRÁFICO
Servidor da Sesai usava veículo oficial para trazer maconha do Paraguai
COVID-19
Curva segue ascendente e Dourados ultrapassa 200 casos de coronavírus
DOURADOS
Após brigar com a ex e decidir dormir na rua, homem é assaltado e agredido