Menu
Busca quarta, 01 de abril de 2020
(67) 9860-3221
Educação

Três coisas que assombram os alunos na hora de praticar inglês

02 março 2020 - 08h23Por Influx English School
Muitos estudantes que buscam aprender a língua inglesa possuem certos medos e dificuldades na hora da conversação. Segundo um levantamento feito pela British Council, organização internacional para relações culturais e oportunidades educacionais do Reino Unido, apenas 5% da população brasileira sabe se comunicar em inglês - e, destes, apenas 1% apresenta algum grau de fluência. 
 
De acordo com gestor da inFlux English School, Gustavo Pegorer, da inFlux Dourados, na sala de aula os alunos apresentam dificuldades geralmente com expressões idiomáticas e pronúncias. “A língua inglesa é mais simples do que a língua portuguesa, estruturalmente e gramaticalmente, coisas que no português são resolvidas com acento no inglês podemos resolver com a entonação das palavras. Isto é um dos diferenciais da inFlux, fazer com que o aluno pense em inglês para assim poder assimilar melhor essas frases e aprender na prática as entonações”, explica o gestor.
 
Para facilitar o entendimento, separamos três “medos” que assombram os alunos na hora de praticar. 
 
Pronúncia do “th” – se falado errado, dependendo da frase, pode ser interpretado de forma incorreta. Uma dica: na hora de pronunciar o famoso “thank you” coloque a ponta da língua entre os dentes da frente, fazendo com que assim o ar passe por cima e por baixo da língua.
 
As vogais com sons semelhantes são outro temor dos estudantes. Contudo segue uma dica que provavelmente vai ajudar. A vogal “a” tem o som de “ei”; o “e” tem som de “ee”; o “i” tem som de “aiy”; o “o” tem som de “oh”; o “u” tem som de “yu”. Mas vale lembrar que as letras isoladas têm esses sons, às vezes em algumas palavras o som muda, exemplo: “apple”.
 
As preposições “in”, “on” e “at”. A grande dica para este medo é analisar o que vem antes e depois das frases com estas preposições, algumas delas são utilizadas em chunks e não podem ser traduzidas ao pé da letra. Outro ponto para ressaltar é que “in” e “on” podem ser usados com outros significados, como dentro e em cima, respectivamente.
 
Para Ricardo Leal, CEO da inFlux, o método da Influx English School é um dos motivos que mais conquistam as pessoas que buscam aprender a falar o inglês. “A metodologia incentiva os alunos a não terem mais medo da gramática do inglês. Muitos possuem o sonho de ter o domínio da segunda língua e nós oferecemos esta experiência de uma maneira prática e rápida, fazendo com que o aluno aprenda de uma forma leve e descontraída, com total auxílio dos nossos professores” afirma Ricardo.
 
Com seu método diferenciado dos demais, a inFlux proporciona aos seus alunos um “empurrãozinho” para superar os medos diários com o aprendizado da língua, sendo que uma das principais técnicas da escola de idiomas é o Conversation, quando o estudante pratica com questões do dia a dia vivenciando o inglês. 
 
É o ensino mais eficaz do que os cursos rápidos e o domínio do idioma em menos tempo do que os cursos tradicionais. Conheça a inFlux e descubra que aqui o seu investimento tem retorno garantido.
 
FACEBOOK: www.facebook.com/InfluxDouradosMS
INSTAGRAM: http://www.instagram.com/influxdourados

Leia Também

CORONEL SAPUCAIA
Menores são apreendidos transportando 48 kg de maconha em bicicleta
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
ARTIGO
A fórmula contra o Coronavírus
MATO GROSSO DO SUL
Campo-grandenses são presos com 250 pacotes de cigarro em Ponta Porã
DOURADOS
Bandidos furtam mais de 3km de fios da avenida Guaicurus e Praça do Cinquentenário
Saúde e Bem-estar
J. P. Mansor oferece serviços de análises de águas e tratamentos de resíduos industriais
ECONOMIA
No primeiro dia do mês Governo libera pagamento de servidores que ganham até R$ 4 mil
PONTA PORÃ
Mulher contrata motorista de aplicativo e é presa tentando levar droga à Capital
SEM SINTOMAS
Quase metade das confirmações de coronavírus em MS já finalizou quarentena
MATO GROSSO DO SUL
Covid-19: barreiras sanitárias começam a funcionar em três municípios na divisa com SP e PR

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
DOURADOS
Homem leva surra de populares e é detido por furtar dois veículos em Dourados
COVID-19
MS tem oito confirmações de coronavírus em 24h e suspeitos chegam a 51