quinta, 26 de maio de 2022
São Paulo
23°max
11°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
EDUCAÇÃO

MEC lança Programa Educação Financeira nas Escolas

18 agosto 2021 - 10h25Por Portal MEC

O Governo Federal lançou, por meio do Ministério da Educação (MEC) em parceria com a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o Programa Educação Financeira nas Escolas, na tarde desta terça-feira (17). O Programa tem o objetivo de oferecer aos professores cursos gratuitos de formação em educação financeira, para que o tema esteja presente nas salas de aula. A expectativa inicial é a de capacitar, em três anos, 500 mil professores, que poderão levar o tema a mais de 25 milhões de estudantes brasileiros.

Compuseram a mesa de abertura do evento o Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro; o secretário de Educação Básica, Mauro Rabelo; o diretor de Formação Docente e Valorização dos Profissionais da Educação, Renato Brito; o ministro de Estado da Cidadania, João Roma; o presidente da CVM, Marcelo Barbosa; o presidente do Banco do Brasil, Fausto de Andrade Ribeiro; e o especialista financeiro, Tiago Reis.

A formação oferecerá conhecimentos básicos sobre finanças pessoais de forma interligada às disciplinas da grade curricular, como explica o secretário de educação básica, Mauro Rabelo. "O ineditismo dessa iniciativa está em formar os professores para que sejam entusiastas da educação financeira nas escolas de nosso país. Esse é um tema transversal previsto na Base Nacional Comum Curricular (...)", explanou Mauro.

O diretor de Formação Docente e Valorização dos Profissionais da Educação, Renato Brito, falou sobre a importância de centralizar o foco dessa formação nos professores. "Muitas vezes nós queremos colocar a educação financeira em pauta dentro das escolas, mas nos esquecemos de possibilitar a segurança do professor sobre o tema. Um professor seguro do que será desenvolvido potencializa o reflexo nos estudantes (...), afirmou Renato.

Já Marcelo Barbosa afirmou que a educação financeira é estratégica para o mercado de capitais nacional, com reflexo no bem-estar das famílias. “Os programas de educação financeira podem influir decisivamente na formação de comportamentos poupadores”, afirmou o presidente da CVM.

Segundo o Ministro da Educação, esse Programa é um legado para as próximas gerações. “Meu sonho é que a população brasileira não compre coisas pelo número de parcelas que cabe no bolso, mas que tenha um mínimo de condições de fazer um exame direto e rápido se o juro embutido não está muito caro”, exemplificou.

A formação de professores em educação financeira, para atingir os estudantes brasileiros, está alinhada a diretrizes globais e recomendações da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O evento na íntegra está disponível no canal do MEC no YouTube. Acesse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPO

Quinta-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove

Polícia prende autores de tráfico de drogas e associação criminosa
CORUMBÁ

Polícia prende autores de tráfico de drogas e associação criminosa

DERROTA DO PRESIDENTE

Conselho da Petrobras desacelera troca do comando da estatal

Funcionário de fazenda é preso por matar colega esfaqueado
PARAÍSO DAS ÁGUAS

Funcionário de fazenda é preso por matar colega esfaqueado

CONCURSO

Novos processos seletivos do IBGE ampliam vagas para o Censo 2022

Chefe de quadrilha que usa criptomoeda está preso em MS

JUDICIÁRIO

STF começa julgar se acordo prevalece sobre a lei trabalhista

REGIÃO

Polícia prende ladrão que destruiu ótica e recupera produtos

BRASIL

Campanha incentiva adoção de crianças e adolescentes com deficiência

ABIGEATO

Polícia desarticula quadrilha que furtava e abatia gado no Pantanal

Mais Lidas

CAARAPÓ

Grávida morta com tiro na cabeça foi assassinada pelo próprio irmão

TRAGÉDIA

Homem morre e outro fica ferido em estado grave após acidente na Marcelino

BR-163

Acidente mata motociclista e passageiro em estado grave é trazido para Dourados

DOURADOS

Vídeo mostra momento da colisão que terminou com morte de motociclista