Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
COMER BEM

Tapiocas na Casa de Vó são opções criativas e saudáveis para começar bem o dia

21 janeiro 2020 - 09h34Por Redação

As tapiocas ganharam o gosto dos sul-mato-grossenses. Típica da região nordeste, a massa feita a partir do amido da mandioca se tornou um patrimônio do Brasil. Herança indígena descoberta na época da colonização, esse quitute hoje é parte da alimentação de quem quer manter uma rotina saudável e equilibrada. 
 
Na cafeteria Casa de Vó, as tapiocas ganharam uma nova cara, mais criativa e variada. Com uma goma preparada ali mesmo, com raízes da culinária nordestina, o cliente encontra várias possibilidades de recheio. E se quiser enriquecer e deixar o lanche mais bonito, basta unir no preparo as propriedades da couve, cenoura ou beterraba, sem qualquer tipo de agrotóxico, e tenha uma massa colorida, bem mais atrativa e saudável.  


 
Na cozinha aberta, o consumidor acompanha a produção da tapioca e pode unir os melhores recheios para compor o prato: bolonhesa, frango, queijo, presunto, pizza, vegetariana, e a partir dessas é possível criar e enriquecer seu café da manhã ou lanche da tarde. 
 
Ah, e não podemos esquecer das opções de recheios doces: brigadeiro, beijinho, doce de leite, frutas como morango, banana, uva, creme de avelã, chocolate brancos e outros.  
 
A sócia-proprietária Daniely Aparecida Sotolani Nascimento, conta que a massa da tapioca na Casa de Vó é uma receita exclusiva da casa. A umidade da massa, a textura da goma, tudo isso faz a diferença na hora de comer o quitute.  


 
Essa receita autoral é resultado de várias pesquisas e visitas feitas ao nordeste. Com todas as informações as duas empresarias conseguiram construir uma combinação própria e exclusiva da Casa de Vó. 
 
E quando está pronta é o prato ideal para quem quer equilibrar a alimentação e fugir das calorias extras que os pãezinhos de trigo acrescentam. 
 
BENEFÍCIOS 
 
Por ser feita apenas de mandioca, a tapioca é um alimento natural com baixo teor de sódio, sem gordura, rico em carboidratos de fácil digestão e sem glúten. Vale lembrar que o glúten é uma proteína que pode provocar inflamação no organismo, potencializando o acúmulo de gordura, prejudicando o intestino e causando inchaço.  
 
A tapioca é sim, uma ótima opção de carboidrato, e pode fazer parte de uma alimentação saudável. Mesmo sendo um carboidrato simples, que vira gordura rapidamente, tem o índice glicêmico menor do que o pão branco e não tem gordura ou glúten. 
 
Uma dica para deixar o quitute ainda mais nutritivo é incluir na tapioca (no recheio ou na massa) ingredientes ricos em fibras, como chia ou linhaça triturada. Assim, é possível reduzir o índice glicêmico da preparação, o que evita o aumento de peso e ainda aumenta seu valor nutricional. 
 
A escolha do recheio certo também faz toda a diferença na hora de ter um lanche fitness. 


 
Na Casa de Vó, com as opções de massa colorida através do suco da couve, cenoura e beterraba, o prato fica ainda mais saudável.  

Com a tapioca de couve, você acrescenta vitamina A e ácido fólico, potássio, que ajuda a regular a pressão arterial, cálcio, o que fortalece e dá estrutura aos ossos e dentes, além de ser rica em fibras.  

Já na tapioca preparada com o suco da cenoura você terá ainda: fibras, minerais como fósforo, potássio, cálcio e sódio, vitamina A, vitamina B2, vitamina B3 e vitamina C. Além de ser um excelente antioxidante, que evita a ação dos radicais livres sobre as células, inibindo o envelhecimento celular, danos no DNA e o aparecimento de doenças como câncer. 
 
Com a beterraba, você vai garantir ao seu organismo power de vitaminas do complexo B, tais como B1, B2, B5, B6 e B9, esta última também chamada de ácido fólico e muito importante na dieta nutritiva das gestantes. O suco de beterraba é muito alcalino, o que o torna eficaz no tratamento da acidose. A vermelhinha ainda é rica em fibras, fonte de carboidratos, cobre, magnésio, manganês, cálcio, potássio, nitratos, vitamina A, vitamina C, vitamina E, vitamina K, antioxidantes como carotenoides e licopeno. 
 
E para os pais que querem inserir esses alimentos nas dieta dos filhos, a tapioca é uma alternativa. “Geralmente as crianças não gostam de comer a beterraba, a couve ou a cenoura in natura, mas na tapioca elas encontram prazer no consumo desses alimentos. E chega até ser divertido, por conta das cores diferenciadas”, aconselha Daniely. 
 
SERVIÇO 
 
Mas e agora? Vai dispensar essa delícia? Conheça a cafeteria Casa de Vó na Rua Ciro Melo, n° 2474 — Vila Planalto. O contato lá é o 67 99907-2302, onde você pode encomendar os quitutes da sua família. Acompanhe a Casa de Vó no facebook!

Leia Também

DOURADOS
MPE descarta omissão de servidores e arquiva inquérito sobre homicídio na PED
PERIGO
Em alerta por onda de calor e baixa umidade, Dourados tem temperatura mais alta no ano
STJ
Confirmada indenização de R$ 450 mil para vigilante que ficou paraplégico após tiro acidental da polícia
DOURADOS
Se Justiça Eleitoral deferir, douradense terá a eleição com mais opções para prefeitura
ELEIÇÕES 2020
Câmara de Dourados deve ter concorrência superior a 14 candidatos por vaga
ISOLAMENTO
Engenheiro brasileiro enfrenta desafio em missão aeroespacial simulada
MATO GROSSO DO SUL
Equipamento que será usado para prevenir desabastecimento de água já está em Corumbá
PANDEMIA
Média de mortes por covid-19 no Brasil cai 10,35% em uma semana
FUTEBOL
Árbitros de MS são escalados para jogos do Brasileiro das séries C e D
BR-463
Trio é preso com caminhonete furtada a caminho do Paraguai

Mais Lidas

POLÍCIA
Caminhoneiro de Dourados morre ao capotar na serra de Maracaju
PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
PONTA PORÃ
Polícia apreende comboio com contrabando avaliado em R$ 1 milhão