quinta, 11 de agosto de 2022
Dourados
25°max
13°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
ARQUITETURA E DESIGN

Móvel versátil e itens naturais: as tendências de decoração para 2022

13 dezembro 2021 - 15h40Por Portal R7

A flexibilização dos formatos de trabalho desde o início da pandemia de Covid-19 fez com que o modelo hibrido, que mescla atividades remotas e presenciais. ganhasse cada vez mais espaço. Por isso, ter um ambiente em casa adequado para realizar as atividades corporativas será uma necessidade no próximo ano.

Para Catarina Cecchini, líder de desenvolvimento de produtos domésticos da Yuca, empresa que é referência em soluções descomplicadas de moradia, a decoração e a arquitetura terão um papel fundamental para garantir a produtividade e o descanso nos ambientes. A seguir, a especialista cita quatro tendências para 2022 nesta área.

Móveis multifuncionais

Diante da necessidade de atender a diferentes funções, as pessoas começaram a investir mais na própria casa e passaram a se preocupar em fazer escolhas mais inteligentes para aproveitar seus espaços.

Móveis modulares, itens garimpados ou usados despontam pela sua qualidade e flexibilidade. Assim, apostar em elementos multifuncionais como sofás retráteis, mesas com prateleiras e móveis dobráveis facilita que um item se encaixe em diferentes tipos de ambientes. Um exemplo são as mesas de madeira, que podem ser usadas no escritório ou como mesa de jantar. 

Mais privacidade

Ao contrário da tendência do “conceito aberto”, que vinha crescendo nos últimos anos, em 2022 a busca por imóveis com cômodos separados e privativos será maior.

Móveis multifuncionais

Diante da necessidade de atender a diferentes funções, as pessoas começaram a investir mais na própria casa e passaram a se preocupar em fazer escolhas mais inteligentes para aproveitar seus espaços.

Móveis modulares, itens garimpados ou usados despontam pela sua qualidade e flexibilidade. Assim, apostar em elementos multifuncionais como sofás retráteis, mesas com prateleiras e móveis dobráveis facilita que um item se encaixe em diferentes tipos de ambientes. Um exemplo são as mesas de madeira, que podem ser usadas no escritório ou como mesa de jantar. 

Mais privacidade

Ao contrário da tendência do “conceito aberto”, que vinha crescendo nos últimos anos, em 2022 a busca por imóveis com cômodos separados e privativos será maior.

“Agora que o home office ganhou força e é provável que seja incorporado por muitas empresas, acreditamos que será ainda muito forte a tendência de procurar soluções de arquitetura e mobiliário que nos auxiliem nessa transição entre morar, relaxar e trabalhar. Não somente por conta da privacidade e do isolamento acústico, mas também por conta da necessidade de desligamento de uma função para outra”, afirma Catarina.

Por isso, o uso de divisórias flexíveis para separar os espaços é uma grande tendência para o próximo ano, já que é uma forma mais versátil de ajudar as pessoas a se desconectar do trabalho e a transitar de um ambiente para outro.  Por não se tratarem de instalações definitivas,  essas estruturas móveis ainda permitem que o morador mude a disposição de acordo com a necessidade.

Conexão com a natureza

Depois de quase dois anos dentro de casa, as pessoas passaram a valorizar mais os espaços externos e as varandas, já que para muitos essa era a única forma de ter contato com a natureza. As plantas surgem como uma alternativa para trazer a natureza para dentro de casa.


Para ajudar nessa busca por conexão dos lares com o meio ambiente, os itens que estarão em alta em 2022 são: materiais e cores naturais - como madeira, tecidos e fibras, cores como bege, areia e tons terrosos-, texturas e formas orgânicas.

"A combinação das plantas com os materiais naturais representa esse contato com a natureza e nos ajuda a recarregar as energias", destaca Catarina.

Personalidade

Outra tendência para 2022 é trazer cada vez mais a personalidade para dentro de casa. As pessoas estão em busca de ambientes mais acolhedores, vivos e que passem, de fato, uma mensagem. Misturar diferentes estilos de decoração, incluir as cores favoritas nos detalhes de casa, estampas e formas variadas são maneiras de imprimir o estilo do morador ao ambiente.

Apesar dessa mistura, o minimalismo - tendência de decoração que vem se consolidando nos últimos anos e traz o conceito de poucos itens decorativos nos imóveis atrelado ao uso de peças objetivas e necessárias  -  ainda deve permear os projetos no ano que vem, por isso, vale a pena brincar com os elementos, sem exagerar nas variações.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

MS cria grupo técnico de enfrentamento à varíola dos macacos

SISTEMA DE PAGAMENTO

Chefe do BC desmente Bolsonaro e diz que bancos não perdem com PIX

Em menos de uma semana, mais um recenseador é assaltado

ASTRONOMIA

'Superlua de esturjão' última do ano será vista nesta quinta-feira

PANTANAL

Trabalhador é resgatado por aeronave após acidente em fazenda

ELEIÇÕES 2022

Consórcio de imprensa suspende realização de debate presidencial

PONTA PORÃ

Homem é preso após receber R$ 1 mil em notas falsas

TÊNIS

Bia Haddad elimina nº 1 do mundo e vai às quartas no Canadá

AQUIDAUANA

Homem fica preso em ferragens de carro após batida com caminhão

RURAL

Conab estima safra de grãos em 271,4 milhões de toneladas em 2021/22

Mais Lidas

TRAUMATISMO CRANIANO

Madrasta de menina de 7 anos que morreu ao dar entrada na UPA é presa em Dourados

ÁGUIA

Mega-operação mira tráfico de drogas e cumpre 10 mandados em Dourados

BR-376

Morto após capotar veículo carregado com maconha tinha 24 anos

POLÍCIA

Menor é apreendido com cigarros de maconha em escola de Dourados