Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
Agronegócio

Pão francês ficou mais caro em MS após disparada do dólar

23 março 2020 - 07h00Por RuralNews MS

Ainda não é possível calcular os impactos do novo coronavírus (Covid-19) na economia de Mato Grosso do Sul, mas o aumento do dólar, causado principalmente pela pandemia decretada pela OMS (Organização Mundial de Saúde), já começa a ser repassado para os preços de alguns produtos de consumo diário. Esse é o caso do tradicional pão francês, que no Estado sofreu reajuste médio de 7,4%, saltando de R$ 13,50 o quilo para R$ 14,50 o quilo.

Segundo o presidente do Sindepan/MS (Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria de Mato Grosso do Sul), Marcelo Silva de Novaes, o segmento vinha segurando os preços, mas a disparada da moeda norte-americana tornou impossível a manutenção dessa política. “Mesmo com a oscilação do dólar desde o início do ano, os custos de produção ainda permaneceram inalterados porque não tivemos alteração no preço da farinha de trigo, situação que mudou nos últimos dias”, lamentou.

Ele acrescentou que o saco com 50 quilos da farinha de trigo, que na maioria das panificadoras é importado da Argentina, subiu de R$ 115,00 para R$ 140,00, um aumento de 21,74%. “É uma majoração significativa nos gastos com a produção e não tem como o empresário amortecer. Por isso, eles tiveram de repassar a alta, porém, esse novo preço deve se manter pelos próximos 15 dias, mesmo que o dólar continue subindo, porque os estoques estão abastecidos” destacou.

Fonte: RuralNews MS

Leia Também

LIBERTADORES
Santos enfrenta Olímpia no Paraguai
ASSEMBLEIA
Deputados devem votar cinco propostas na primeira sessão ordinária de outubro
AGRONEGÓCIO
Colheita do milho acaba com cinco semanas de atraso em relação à safra passada
DOURADOS
Após abordagem de usuário, polícia fecha “Boca do Paraguai”
ELEIÇÕES 2020
Sérgio de Paula deixa o governo para articular campanhas
MS-379
Após tentativa de fuga, micro-ônibus escolar tomba com 4,5t de maconha
TV DOURADOS NEWS
Há 45 anos em Dourados, Raymundo Matos conta sua trajetória a partir de Antônio João
INFORME PUBLICITÁRIO
Máquinas agrícolas com pneus velhos? A União Pneus realiza a coleta na sua propriedade
SAÚDE PÚBLICA
Em uma semana, MS registra quase 800 novos casos de dengue
DOURADOS
Termômetros superam 39ºC e alerta de onda de calor prevê até 45ºC de máxima

Mais Lidas

DECIBÉIS
Operação do Gaeco mira fraudes em licitações e cumpre cinco mandados em Dourados
INVESTIGAÇÃO
Policiais do Gaeco fazem nova operação em Dourados
DOURADOS
Gaeco deixa edifício com documentos apreendidos após mais de 5h
CAPITAL
Mulher com mandado de prisão em aberto é executada com oito tiros