Menu
Busca terça, 22 de setembro de 2020
(67) 99659-5905

Walter Hora debaterá mudanças na taxa de esgoto

02 junho 2011 - 08h25

Na sessão ordínaria da Câmara Municipal de Dourados do último dia 23 de maio, o vereador Walter Hora (PPS) apresentou requerimento ao gerente-regional da Sanesul, Odilon Azambuja, solicitando informações relativas à cobrança da tarifa de esgoto em Dourados. A solicitação tem o objetivo de verificar o modelo de cobrança que será utilizado pela empresa após a conclusão das obras de saneamento do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e a ativação das novas ligações de esgoto residenciais.

No documento, Walter Hora fez questão de requerer informações que possam dar noção à população douradense sobre os valores pagos atualmente pela taxa de esgoto. Para o vereador, esses dados são importantes para provocar um grande debate sobre os valores cobrados pela taxa de esgoto no município. “Desde o inicio das obras do PAC, várias novas ligações residências foram feitas. A ligação é obrigatória, o morador tem que fazer. Isso vem aumentando a receita da empresa saneadora, o que sob a minha visão, seria viável que fosse reduzido o valor da taxa de esgoto, que hoje é de 70% sobre o valor da conta de água”.

Hora entende que as novas ligações residenciais de esgoto são extremamente necessárias e úteis, já que, além de garantir melhorias na infraestrutura dos bairros da cidade, proporcionam uma melhora significativa na saúde da população. “Investimentos em saneamento básico é garantia de mais saúde as pessoas. No entanto, não podemos esquecer o lado financeiro dos moradores que terão que pagar pela taxa de esgoto. Hoje muitas pessoas estão sendo surpreendidas pela taxa, pela nova despesa, principalmente, a população menos favorecida e que tem um ganho menor. Acredito que a redução do valor da taxa de esgoto viria ao encontro das necessidades da população”, salientou o vereador.

Walter Hora iniciou o movimento e debate sobre a possibilidade da redução nos valores cobrados pela taxa de esgoto em Dourados em seu mandato anterior. Na época, grande parte da população se mostrou muito receptiva a idéia e procurou se interar sobre o assunto. Após receber as informações solicitadas a Sanesul, o vereador pretende realizar uma audiência pública na Câmara Municipal, com objetivo de chamar a população para debater a cobrança da taxa de esgoto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Bolsonaro exonera Novaes do cargo de presidente do Banco do Brasil
CRIME AMBIENTAL
Engenheiro leva multa de R$ 50 mil por degradação de área protegida
DOURADOS
Saúde institui Núcleo Emergencial de Assistência após seis meses de pandemia
LIBERTADORES
Flamengo volta ao Equador para encarar o Barcelona
POLÍTICA
Douradenses tiveram mais de 200 opções para Câmara de Vereadores nas eleições de 2016
DOURADOS
Câmara recebe CTG e destaca Semana Farroupilha e Dia do Gaúcho
ONU
Bolsonaro diz que Brasil é vítima de desinformação sobre o meio ambiente; leia o discurso
MATO GROSSO DO SUL
Escrivães aprovados no concurso da Polícia Civil são convocados
ORDEM DO DIA
Construções de quadras poliesportivas em MS deverão seguir padrões oficiais
OPORTUNIDADE
Aberto concurso para residência médica em diversas especialidades para o Hospital Regional

Mais Lidas

DOURADOS
Motorista bêbado atropela cinco pessoas que voltavam da igreja no Novo Horizonte
ESTADO
Confraternização em fazenda termina com tragédia após briga familiar
TRAGÉDIA
Bombeiro em Dourados morre durante acidente em Santa Catarina
DOURADOS
Amigos e familiares de entregador morto em acidente pedem que justiça seja feita