Menu
Busca sexta, 25 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
PROJETO

UEMS e Exército discutem cooperação para apoio ao projeto Sisfron

28 maio 2015 - 11h59

Na última terça-feira, dia 26 de maio, representantes da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) visitaram a 4º Brigada de Cavalaria Mecanizada em Dourados com o objetivo de apresentar pesquisas de desenvolvimento de novas tecnologias para o projeto Sisfron (Sistema de Integração de Monitoramento de Fronteiras).

Participaram do evento, a reitora em exercício da UEMS, Eleuza Ferreira de Lima, professores e alunos do curso de Ciência da Computação da Universidade, que integram o grupo de pesquisa de computação aplicada.

“A perspectiva é que este projeto que está sendo executado pela UEMS, de desenvolvimentos de novas tecnologias nacionais, possa ser utilizado no projeto Sisfron”, explicou o Coronel Fernando dos Anjos Souza.

De acordo com a reitora, Eleuza Lima, a participação dos professores da UEMS nesse projeto possibilitaria uma parceria igualmente favorável às duas instituições. Segundo Eleuza, o exército tem uma estrutura de última geração e a UEMS tem o conhecimento necessário para que essa estrutura seja utilizada da melhor forma possível.

A UEMS é a primeira Universidade, em Dourados, a buscar parceria com o Projeto Sisfron, objetivando a verificação de aplicabilidades de projetos vinculados aos cursos de Sistemas de Informação e Ciência da Computação da Universidade.

De acordo com o docente Rubens Barbosa, há um grupo de professores pesquisadores que pretendem comprovar, na prática, conceitos estabelecidos em pesquisas teóricas. “A aplicabilidade destas teorias, estudadas em projetos científicos, será comprovada por meio do desenvolvimento de sistemas de segurança em diversos níveis”, disse Barbosa.

Nesse sentido, o grupo de professores da UEMS atuará em duas linhas: treinamento e capacitação técnica junto ao Sisfron, com o intuito de colaborar com o Projeto e, ao mesmo tempo, projetar o nome da Universidade além do âmbito regional.

“O projeto possui magnitude nacional e une várias instituições, como o Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente), Polícia Federal e Polícia Militar, com o propósito de fortalecer a vigilância e segurança nas fronteiras do país”, ressalta Rubens Barbosa.

Os representantes da UEMS foram recepcionados pelo General Rui Yutaka Matsuda, comandante da 4º Brigada de Cavalaria Mecanizada em Dourados, participaram de palestras e conheceram os materiais utilizados pelo Sisfron.


###Sisfron
O Sisfron entrou em funcionamento em novembro do ano passado em Dourados, cidade que recebe o piloto do projeto que visa monitorar toda a área de fronteira do país - 16 mil quilômetros - num investimento total previsto de R$ 12 bilhões, com previsão de implantação até 2017. No Mato Grosso do Sul, os recursos consumidos foram de aproximadamente R$ 900 milhões, operando em 600 quilômetros da fronteira do Estado.


Deixe seu Comentário

Leia Também

NAVIRAÍ
Após 3 dias, bombeiros encontram corpo de homem que caiu em rio
EDUCAÇÃO
UEMS sedia XV Jornada Nacional de Linguística e Filologia em novembro
CRIME AMBIENTAL
Homem é preso e autuado por capturar e abater peixe com pesca proibida
QUEIMADAS
MS vai receber mais R$ 1,35 milhão para combate a incêndios florestais
TRÊS LAGOAS
Morto a tiros em lanchonete teria conversado com a ex do assassino
SUPREMO
Celso de Mello antecipa aposentadoria e deixará STF em 13 de outubro
JUSTIÇA
Motorista embriagado deve indenizar vítima de acidente de trânsito
SEGUE INTERNADO
Motorista baleado durante golpe do falso frete é de Dourados
ELIMINATÓRIAS
Matheus Cunha é convocado para seleção na vaga de Gabriel Jesus
POLÍCIA
Caminhoneiro de Dourados morre ao capotar na serra de Maracaju

Mais Lidas

PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
ACIDENTE
Mulher envolvida em acidente no Centro ficou presa às ferragens de veículo
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
POLÍCIA
Homem morre ao tentar invadir delegacia de Glória de Dourados