Menu
Busca quinta, 23 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
DOURADOS

Simted acusa PGM de ‘mandar prender’ presidente; prefeitura nega o caso

01 agosto 2014 - 12h05

Thalyta Andrade

O Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores da Educação) de Dourados divulgou uma grave acusação contra a administração municipal. De acordo com o sindicato, o prefeito Murilo Zauith (PSB), por meio da Procuradoria Geral do Município, literalmente teria ‘mandado prender’ o presidente do sindicato, João Vanderley Azevedo, caso o mesmo não promova o desbloqueio da rodovia MS-156, que liga Dourados a Itaporã, ocupada desde a terça-feira por representantes da Reserva Indígena da cidade em apoio ao movimento de educadores indígenas do município.

De acordo com o Simted, um processo movido pela procuradoria, acusando a greve geral iniciada no dia 15 de julho como “ilegal e abusiva”, impõe que o sindicato, na pessoa do seu presidente, promova a liberação do tráfego na rodovia sob pena de prisão a Azevedo por desobediência.
“Na tentativa de criminalizar a greve dos educadores, o prefeito Murilo Zauith agora pede na Justiça a prisão do presidente do Simted”, acusou o sindicato por meio de nota oficial.

Procurado pelo Dourados News, o secretário municipal de governo, José Jorge Filho, se mostrou surpreso com a acusação. Ele disse à reportagem que a prefeitura vai se pronunciar oficialmente sobre o caso até o fim da tarde, mas fez declarações sobre a situação.

“Posso garantir que o prefeito Murilo Zauith, enquanto uma pessoa íntegra e que defende a democracia, jamais se posicionaria desta forma. Se a procuradoria fez este tipo de recomendação por meio de embasamento jurídico, foi sem o conhecimento e sem que isso tivesse sido pedido por ele”, garantiu Filho.

A greve e o bloqueio

O bloqueio na rodovia MS-156 acontece por conta da reivindicação de lideranças e também de servidores da educação indígena por mais estrutura nas escolas da reserva de Dourados, e pelo combate ao déficit de vagas, que deixa centenas de crianças em idade escolar fora das salas de aula. O grupo que hoje bloqueia a rodovia, impõe que o prefeito apresente projetos para essas reivindicações, e apoia o movimento de greve geral iniciado pelo Simted no dia 15 de julho.

A greve geral do Simted, por sua vez, acontece porque o sindicato reivindica junto ao governo municipal o cumprimento da lei nacional do piso de 20 horas para o magistério, abertura de concurso público, alteração na lei de readaptação que prejudica os vencimentos dos trabalhadores readaptados, inclusão dos servidores administrativos no Plano de Cargos e Carreiras da Educação e garantia do direito de aposentadoria especial para coordenadores das escolas.

A Semed (Secretaria Municipal de Educação) propôs aos professores que o possível neste momento, devido à crise financeira que atinge o município, seria conceder o reajuste de 8,32% para professores e de 6,15% para os administrativos a partir de julho, retroativo a abril, como determina a lei.

O reajuste do período seria concedido em três parcelas, junto com o salário já corrigido em julho. Já com relação ao piso, a Semed alega que a reivindicação representa dobrar o valor pago em folha atualmente e isso demanda um grande volume de recursos.

Ainda conforme a secretaria, a proposta neste aspecto é que até outubro deste ano seja apresentado ao Simted um estudo de como conceder o piso da forma como o sindicato reivindica. A proposta de reajuste salarial foi aprovada em regime de urgência na Câmara Municipal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Suspeito de furtar bicicleta é apedrejado e vai parar em hospital
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Aprovada isenção de IR para aposentados com sequelas de covid-19
Mulher ganha R$ 50 mil no Nota Premiada com recibo do enterro do pai
Mulher ganha R$ 50 mil no Nota Premiada com recibo do enterro do pai
SAÚDE
Preso, Roberto Jefferson vai passar por cirurgia de cateterismo
CAPITAL
Após ser acusado de roubo, homem tenta matar mulher a facada
ONLINE
UEMS realiza palestra sobre 'Leitura e Literatura para bebês e crianças'
CAPITAL
Família faz vaquinha de R$ 21,9 mil para cirurgia de bebê de 8 meses
ASTRONOMIA
Entenda o que é equinócio, fenômeno que dá início à primavera
MARACAJU
Padrasto foge após menina contar a amiga da família que era estuprada
JUDICIÁRIO
Plataforma no portal do TJ/MS facilita busca de veículos apreendidos

Mais Lidas

DOURADOS
Vizinhos sentem mau cheiro e idoso é encontrado morto no Novo Horizonte
PEDRO JUAN CABALLERO
Adolescentes desaparecidas na fronteira são localizadas
FRONTEIRA
Adolescentes brasileiras estão desaparecidas desde o último sábado
DOURADOS
Maconha apreendida em barracão usado como entreposto do tráfico pesou mais de 1,5t