Menu
Busca segunda, 20 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
PARALISAÇÃO NA SAÚDE

Servidores pressionam e Zauith deve atendê-los em reunião na semana que vem

10 julho 2014 - 11h14

Thalyta Andrade

Mais de 200 pessoas, segundo informação da Guarda Municipal, se concentraram hoje no CAM (Centro Administrativo Municipal) de Dourados em protesto contra as condições da saúde no município que estariam em situação “precária” conforme relatado pelos mesmos.

Uma comissão de 20 servidores foi recebida pelo secretário adjunto de saúde, Márcio Figueiredo, pelo secretário municipal de governo, José Jorge Filho, e pelo secretário municipal de administração, João Azambuja. O prefeito Murilo Zauith e o vice, Odilon Azambuja, estão em viagem, assim como o secretário municipal de saúde, Sebastião Nogueira.

O titular da administração municipal está em recesso particular, e Azambuja, que responde interinamente, está em Brasília, junto de Nogueira, conforme informação da assessoria de comunicação da prefeitura. A ausência de todos justamente no período em que a paralisação – anunciada há dias – acontece, também foi alvo de muitas críticas e colocada como “reflexo do descaso” por muitos dos presentes.

Após o fim da reunião, os servidores lamentaram o fato do encontro não ter sido minimamente conclusivo. Ao Dourados News, o secretário de governo, José Jorge Filho, disse que foi explicado aos servidores que nenhuma medida poderá ser discutida ou formalizada junto à categoria na ausência do prefeito Murilo Zauith, e que uma nova reunião deve ser marcada para quando o mandatário municipal retornar ao posto na próxima segunda-feira, dia 14.

Pelo lado dos servidores, após terem conhecimento do que ficou estabelecido na reunião realizada hoje pela manhã, muitos se mostraram ainda mais indignados e críticos à ausência apontada como ‘estratégica’ do prefeito. No entanto, os trabalhadores reforçaram que vão se manter mobilizados em prol das reivindicações por melhorias e valorização da categoria.

Ao microfone, profissionais de várias áreas criticaram o que foi colocado como “inércia” por parte da administração municipal no que diz respeito a condições de trabalho, infraestrutura das unidades de saúde e negociações salariais. Representantes sindicais de outras categorias, como o Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação), CUT (Central Única dos Trabalhadores), e outros apoiaram o movimento.

A partir das 13h de hoje, está marcada uma nova mobilização, desta vez na Praça Antônio João. Como adiantado em matéria anterior publicada no Dourados News [(confira clicando aqui)](http://www.douradosnews.com.br/dourados/postos-de-saude-so-atendem-urgencia-em-dourados) a paralisação na saúde reduziu o número de servidores em toda a rede municipal para 30%, como estabelece a Lei de greve, e os atendimentos de urgência e emergência estão sendo priorizados. A informação é do Conselho Municipal de Saúde.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Defensoria Pública lança disque denúncia para casos de abuso sexual contra crianças e adolescentes
TRÊS LAGOAS
Acusado de 20 crimes, estelionatário volta a agir com máquinas avaliadas em R$ 30 mil
Festas e presentes de Dia das Crianças devem movimentar mais de R$ 11 mi em Dourados
INTENÇÃO DE CONSUMO
Festas e presentes de Dia das Crianças devem movimentar mais de R$ 11 mi em Dourados
DOURADOS
Pedestre que foi atropelado por motociclista que não resistiu, morre no HV
Dois são presos furtando combustível em posto na MS-276
BATAYPORÃ
Dois são presos furtando combustível em posto na MS-276
PARQUE ALVORADA
Venda de imóveis da União em Dourados não tem interessados
DOURADOS
Jovem tem casa furtada no Jardim Santa Herminia
TRÁFICO
Casal é preso com droga que levaria para São Paulo
PANDEMIA
Mato Grosso do Sul recebe mais 277.330 doses de vacina contra a Covid-19
DOURADOS
Jovem denuncia assalto e polícia apreende moto usada no crime

Mais Lidas

'AMIGÃO'
Bêbado bate carro e deixa amigo ferido em canteiro
EVENTO CLANDESTINO
PM encerra festa com pelo menos 2 mil pessoas em Dourados
POLO INDUSTRIAL
Expansão industrial impulsiona investimentos logísticos em Dourados
LOTERIA
Douradense fatura R$ 31 mil ao acertar na quina