Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Sem vagas, mães madrugam na central de matrículas do município

03 fevereiro 2020 - 10h25Por André Bento

O primeiro dia indicado pela Prefeitura de Dourados para confirmação das matrículas em Ceim’s (Centros de Educação Infantil do Município) foi marcado por informações desencontradas. Sem designação para seus filhos, mães madrugaram na Secretaria de Educação, mas nem mesmo o secretário garante que vagas serão abertas.

Montada no Pavilhão Dom Teodardo Leitz, na Rua Coronel Ponciano, ao lado do CAM (Centro Administrativo Municipal), a Central de Atendimento à Matrícula lotou logo que as portas foram abertas.

No local, onde também funciona provisoriamente a estrutura da Secretaria Municipal de Educação, a reportagem do Dourados News conversou com pelo menos oito mães que chegaram na madrugada e relataram dificuldades até mesmo de obter informações corretas.

Com filhos de idades entre 9 meses e dois anos, buscam alguma das mais de 6 mil vagas abertas nos 38 Centros de Educação Infantil, sejam do município ou conveniados. Contudo, não obtiveram designação no dia 25 de janeiro e na manhã de hoje queixavam-se das incertezas sobre abertura de vagas.

Procurado pelo Dourados News, o secretário municipal de Educação, Upiran Jorge Gonçalves da Silva, informou que quem não conseguiu designação deve esperar o prazo final de confirmações de matrículas.

“Até o dia 6 as pessoas que foram designadas têm prazo para confirmar a matrícula. Dia 7 o sistema roda e as matrículas não confirmadas voltam para central de matrículas e aí sim os pais comparecem para ver a possibilidade de conseguir”, detalhou.

O gestor da educação municipal aconselhou que não há nada a ser feito na central de matrícula, por enquanto, se não houve designação, porque a secretaria depende da abertura de vagas eventualmente não preenchidas.

“Se não forem confirmadas matrículas essas vagas voltam para central, são redistribuídas e depois dessa redistribuição vamos passar a verificar a possibilidade de enviar para as conveniadas. O certo é que eles voltem depois na próxima segunda-feira”, pontuou.

No entanto, as mães ouvidas pelo Dourados News garantiram que devem permanecer na central de matrículas porque temem perder a abertura de eventual vaga.

Além dos centros de educação infantil, a prefeitura informa ter aberto 24 mil vagas nas 45 escolas municipais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORUMBÁ
Grávida tenta entregar cebola “recheada” com maconha em presídio
DOURADOS
Mulher que levaria droga para MT é presa na rodoviária
IBOPE
Governo Bolsonaro tem aprovação de 40% e reprovação de 29%, diz pesquisa
REGIÃO
Caminhonete “recheada” com maconha capota na MS-164
PEDRO JUAN
Dona de clínica onde estudante morreu paga fiança com caminhão
CAMPO GRANDE
Salão terá que indenizar cliente que sofreu queimadura no couro cabeludo
ELEIÇÕES
Justiça Eleitoral deve receber 630 mil pedidos de registro de candidatura até sábado
PONTA PORÃ
Avó simula sequestro de neto para tentar extorquir o próprio filho
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda após bater R$ 5,60
INJÚRIA RACIAL
Mulher é chamada de “macaca" e "galinha preta de macumba” em cidade de MS

Mais Lidas

DOURADOS
Carro carregado com calhas capota após colisão e mulher fica ferida
PARANÁ
Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal
PEDRO JUAN
Terror na fronteira: três veículos de luxo são incendiados em pontos distintos
PANDEMIA
Prefeitura e MPE entram em acordo para retorno das aulas presenciais na rede privada