Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Sanesul inicia retirada de canos para sequência de obra na Presidente Vargas

23 julho 2019 - 08h25Por André Bento

A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) informou na segunda-feira (22) ter dado início ao trabalho de remanejamento da rede de abastecimento de água no trecho em obras da Avenida Presidente Vargas, em Dourados. Esse processo é necessário para continuidade das escavalções executadas pela Planacon em parte do serviço de recuperação da via, bloqueada desde o dia 2 de abril.

Segundo a empresa, com a chegada dos tubos e conexões específicos, sua equipe acelera para concluir o remanejamento da rede que garante abastecimento de água aos bairros Jardim Europa, Mônaco, Ecoville, Porto Madero e Altos da Paineira. Os canos haviam sido levados do canteiro central para as laterais da avenida quando a Prefeitura de Dourados decretou situação de emergência por causa do enorme buraco que surgiu sob a pista.

Esse processo, informa a Sanesul, foi necessário para não comprometer o abastecimento de água dos bairros da região.

“Operamos com responsabilidade e cumprimos com rigor todas as metas atribuídas à Sanesul e confiamos no comprometimento de todos os envolvidos nesse processo de reconstrução da Avenida Presidente Vargas”, pontuou a o gerente regional da empresa em Dourados, Paulo Roberto Nepomuceno, para quem a finalização dessa etapa deve agilizar o processo de acabamento da obra sem alterar o seu cronograma.

Descoberto no dia 2 de abril, o buraco nessa importante avenida da cidade foi provocado pelo colapso das tubulações de águas pluviais por onde transcorre o Córrego Laranja Doce. Na ocasião, o gestor de Obras da Prefeitura de Dourados, Jorge Torraca, explicou que a canalização existente já não comportava mais todo o volume d’água.

Em 20 de maio, a prefeita Délia Razuk (PL) decretou situação de emergência no Município de Dourados “em virtude de desmoronamento da canalização do Córrego Laranja Doce”, considerando “a necessidade de dispensa de licitações para aquisição de galerias celulares de concreto armado e execução de serviços de infraestrutura para a reconstrução da macrodrenagem para transposição do Córrego Laranja Doce, microdrenagem de águas pluviais e pavimentação asfáltica” da avenida.

Dias antes, em 16 de maio, a gestora havia assinado em Campo Grande o Convênio nº 005/2019 – SGI/COVEN nº 29.199/2019, por meio do qual o Governo de Mato Grosso do Sul comprometeu-se a repassar R$ 871.827,88 em duas parcelas iguais, de R$ 435.913,94, para obra.

No dia 6 de junho a prefeitura divulgou o extrato do contrato nº 219/2019/DL/PMD, fruto da Dispensa de Licitação nº 016/2019, que resultou na contratação da Planacon para executar o serviço por R$ 496.557,75 no prazo de seis meses.

Mais recentemente, no Diário Oficial do Município de 9 de julho, foi publicado o extrato do contrato nº 244/2019/DL/PMD, que informa a contratação da Concrevale Concretos LTDA por R$ 360.880,00 para compra de galeria celular pré-fabricada de concreto armado, as aduelas por onde o Córrego Laranja Doce correrá sob a pista.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Proprietário é multado em R$ 70 mil por degradação de área protegida
MATO GROSSO DO SUL
Desrespeito ao isolamento continua favorecendo a Covid, afirma Saúde
ECONOMIA
BNDES investe em fundo que apoia empresas de médio porte
DOURADOS
Com data marcada para retomar voos diários, Aeroporto passa por desinfecção
BRASIL
MEC define critérios para repasses do programa Educação Conectada
DOURADOS
Juiz mantém decisão para júri de jovem por homicídio, ocultação e destruição de cadáver
ISOLAMENTO
Melhor colocado no índice de isolamento social, Japorã confirma o primeiro caso de coronavírus
CAMPO GRANDE
Escola deve indenizar vizinhos por poluição sonora
DOURADOS
Acusado de matar secretário pode ter tido surto de esquizofrenia
COVID-19
Em MS, quase 70% dos infectados por coronavírus já estão recuperados

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário