Menu
Busca terça, 02 de junho de 2020
(67) 99659-5905
ECONOMIA

RedeSim inicia operação nesta quarta-feira em Dourados

20 setembro 2017 - 08h37

A Prefeitura de Dourados, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, inicia a operacionalização da Redesim (Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios) nesta quarta-feira, dia 20 de setembro.

Segundo a secretária Rose Ane Vieira, a efetivação do sistema inicia "um novo tempo para as micro e pequenas empresas que pretendem se instalar no município de Dourados". Em reuniões recentes, a prefeita Délia vislumbrou as ações que agora já produzem frutos no contexto do fomento à economia local. "A agilidade administrativa que propomos impõe considerar dentro dessa realidade os mais de 800 mil habitantes que formam a região da Grande Dourados. Somos um polo diferenciado, e essas ações vêm para convergir os interesses dos demais municípios que buscam serviços aqui", disse.

Com a aprovação da Lei Complementar nº 331/2017, de 3 de julho de 2017, que trata da desburocratização e de incentivos a micro e pequenas empresas, bem como a necessidade de cumprir prazos para implantação das práticas aprovadas, a Prefeitura buscou parceria com o Sebrae para capacitar servidores envolvidos em todo atendimento ao cidadão que será beneficiado pela lei.

A Rede Nacional para a Redesim é um sistema integrado que permite a abertura, fechamento, alteração e legalização de empresas em todas as Juntas Comerciais do Brasil, simplificando procedimentos e reduzindo a burocracia ao mínimo necessário.

"Esse sistema fará a integração de todos os processos dos órgãos e entidades responsáveis pelo registro, inscrição, alteração e baixa das empresas, por meio de uma única entrada de dados e de documentos, acessada via internet", explicou a secretária.

Administrada por um Comitê Gestor, composto por órgãos e entidades do governo federal, estadual e municipal, responsáveis pelo processo de registro e legalização dos empresários, sociedades empresariais e sociedades simples.

"Dourados será o 26º município do Estado a implementar a viabilidade do sistema Integrar que abrange toda a Redesim", conta Rose Ane.

A secretária ressalta que, com o sistema implantado, o empresário tem a ciência das obrigações que deve atender para exercer a atividade empresarial frente ao município antes mesmo de formalizar sua empresa na Receita Federal e Junta Comercial, podendo assim analisar a viabilidade dos seus investimentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMAMBAI
Em Dia de Combate ao Feminicídio, mulher é agredida com facada nas costas
AJUDA DE 600 REAIS
Mais 2,7 milhões têm direito hoje a mais um lote do Auxílio Emergencial
EDUCAÇÃO
Ensino a Distância Unip Polo Dourados MS
A PARTIR DE HOJE
Via movimentada muda de sinalização no Parque Alvorada
BRASIL
Celso de Mello arquiva pedido de apreensão de celular de Bolsonaro
LOTOFÁCIL
Aposta feita em Rio Brilhante acerta 15 números fatura R$ 738 mil
ECONOMIA
Receita Federal prorroga suspensão de cobranças até 30 de junho
NOVA ANDRADINA
Motorista bêbado ‘filho de polícia’ encara PM e acaba preso com arma e droga
TEMPO
Terça-feira nublada, ainda com possibilidade de chuva em Dourados
JARDIM
Dois são presos após realização de festa em residência durante pandemia

Mais Lidas

DOURADOS
HU emite nota de esclarecimento sobre atendimento de mulher que morreu com Covid-19
PANDEMIA
Com mais 27 casos, Dourados ultrapassa 300 confirmações de coronavírus
PANDEMIA
Dourados registra mais 19 casos de coronavírus em 24 horas
6ª VARA CÍVEL
Empresário vai à Justiça contra toque de recolher em Dourados