Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Protocolado na Câmara pedido de impugnação de chapa de Pepa e Cirilo

06 dezembro 2018 - 14h20Por Adriano Moretto

Foi protocolado no início da tarde desta quinta-feira (6/12) na Câmara de Vereadores de Dourados, o pedido de impugnação da chapa 'Legislativo Forte', que disputa a eleição da Mesa Diretora e tem entre os integrantes Pedro Pepa (DEM) – candidato a presidência – e Cirilo Ramão (MDB), segundo secretário. 

Os dois foram presos na tarde de ontem (5/12) juntos do também vereador Idenor Machado (PSDB), durante a Operação Cifra Negra, realizada pelo Ministério Público Estadual e o 2º Distrito Policial. 

Além de Pepa e Cirilo, Silas Zanata (PPS) faz parte da composição como primeiro secretário e Junior Rodrigues como vice.  

O pedido foi feito à atual Mesa Diretora da Casa pelo farmacêutico bioquímico Racib Panage Harb e registrado às 12h55. Ele também é autor do pedido, junto a Comissão de Ética, do afastamento da vereadora Denize Portollan (PR), presa em 31 de outubro na Operação Pregão

Na argumentação, ele utiliza entre outras coisas, do artigo 37 da Constituição Federal que expressa os princípios da administração pública, “qual sejam: legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência”. 

O documento continua: ‘no tocante do caso concreto, é absolutamente imoral a possibilidade de vereadores presos serem eleitos membros da Mesa Diretora do poder legislativo municipal. Além do mais, os vereadores utilizam-se do cargo justamente para desvirtuar o bem comum...”, diz. 

A eleição da Mesa Diretora da Câmara está agendada para essa sexta-feira (7/12), às 14h. 

Além da chapa encabeçada por Pepa, o vereador Alan Guedes (DEM) também entrou na disputa ao lado de Elias Ishy (PT) como vice, Sérgio Nogueira (PSDB) primeiro secretário e Daniela Hall (PSD) como 2ª secretária. 

Afastamento

No protocolo também é pedido o afastamento dos três vereadores presos e posterior abertura de processo na Comissão de Ética e Decoro Parlamentar. Além deles, foram cumpridos mandados de prisão contra o ex-vereador Dirceu Longhi (PT) e o ex-servidor da Casa, Amilton Salina. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Proprietário é multado em R$ 70 mil por degradação de área protegida
MATO GROSSO DO SUL
Desrespeito ao isolamento continua favorecendo a Covid, afirma Saúde
ECONOMIA
BNDES investe em fundo que apoia empresas de médio porte
DOURADOS
Com data marcada para retomar voos diários, Aeroporto passa por desinfecção
BRASIL
MEC define critérios para repasses do programa Educação Conectada
DOURADOS
Juiz mantém decisão para júri de jovem por homicídio, ocultação e destruição de cadáver
ISOLAMENTO
Melhor colocado no índice de isolamento social, Japorã confirma o primeiro caso de coronavírus
CAMPO GRANDE
Escola deve indenizar vizinhos por poluição sonora
DOURADOS
Acusado de matar secretário pode ter tido surto de esquizofrenia
COVID-19
Em MS, quase 70% dos infectados por coronavírus já estão recuperados

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário