Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Prorrogado mandato de conselheiros tutelares de Dourados

02 dezembro 2004 - 12h25

O juiz da Vara da Infância e Adolescência, Zaloar Murat Martins de Souza, decidiu prorrogar o mandato dos atuais conselheiros tutelares de Dourados, por tempo indeterminado. É a segunda vez que a prorrogação é determinada pela justiça. Os atuais conselheiros deveriam ter deixado o cargo em setembro deste ano. Zaloar, explica que os atuais conselheiros ficarão no cargo até que o pedido de suspensão da última eleição, realizada em junho, seja julgado. O pedido foi feito pela promotora da Infância e Adolescência, Jiskia Sandri Trentin, que constatou irregularidades  durante o pleito. Na época, a promotora afirmou ter recebido denúncias de que pelo menos 11 dos 15 candidatos ao cargo de conselheiro teriam alugado veículos para transportar eleitores, o que é proibido.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia prende traficante e batedor com 380 quilos de maconha e skunk
BONITO
Polícia prende traficante e batedor com 380 quilos de maconha e skunk
TJ/MS
Provas do concurso para cartórios extrajudiciais serão realizadas no dia 22
Criança com crises convulsivas no Pantanal é socorrida por avião
NÚMEROS DA PANDEMIA
Média móvel de mortes por Covid no Brasil fica abaixo de mil pelo 3º dia
GUIA LOPES
Empresário de 32 anos é encontrado morto na frente da residência
UFGD
Abertas as inscrições de trabalhos para o Seminário Regional de Extensão
Rapaz é preso embaixo da cama após agredir mulher e filha de 7 meses
TRÂNSITO
Contran divulga novas regras de segurança de caminhões basculantes
TRÁFICO DE DROGAS
Mais dois adolescentes são apreendidos por tráfico de drogas em Naviraí
DOURADOS
Vereador visita colega e diz que ele está bem após novo contágio da Covid

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS