Menu
Busca quarta, 02 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Proposta quer reajustar em 55% teto salarial do município

12 dezembro 2019 - 09h45Por André Bento

Minuta de projeto de lei enviada à Câmara de Vereadores pelo secretário municipal de Fazenda, Carlos Francisco Dobes Vieira, quer reajustar em 55,27% o teto salarial do município.  Ele justifica que esse é o índice de correção necessário para corrigir defasagem acumulada desde 2005.

O Dourados News apurou que caso seja aprovada, essa proposta elevará o vencimento bruto da prefeita dos atuais R$ 13.804,56 para R$ 21.434,34. Nos casos do vice-prefeito e de secretários municipais, os proventos devem passar de R$ 9.663,19 para R$ 15.004,03.

Na justificativa que consta na minuta do projeto, aponta que “no período compreendido entre os anos de 2005/2019 foi concedido um total de 55,27% de correção no vencimento dos servidores, contudo, aos subsídios dos agentes políticos absolutamente nenhuma correção foi concedida”.

“Portanto, a falta de aplicação anual dos índices de correção evidencia achatamento dos subsídios do prefeito e secretários municipais, e descumprimento de comando constitucional”, afirma outra parte.

Também é apontado “um grande entrave jurídico na política de remuneração dos servidores públicos municipais” porque a Constituição Federal estabelece que remuneração dos servidores públicos não pode exceder ao subsídio mensal dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), e no caso dos municípios, aplica-se como limite o salário do prefeito.

“A situação fática constatada, de remuneração defasada, configura uma das razões da enorme dificuldade da Administração Pública conseguir que bons e capacitados profissionais das mais diversas áreas aceitem convocações de concursos e processos seletivos da administração municipal para atuarem como servidores”, pondera.

É pontuado ainda haver “engessamento da Administração Pública em relação à política de remuneração de seus servidores”, situação que, causa “flagrante prejuízo a real capacidade de aproveitamento de certas categorias de servidores que, por mais boa vontade e interesse que tenham, não podem desenvolver todo seu potencial profissional, ante o limite remuneratório”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Três são baleados próximos a penitenciária; criança está entre as vítimas
DEZEMBRO VERMELHO
Ação pelo Dia Mundial de Combate à Aids atendeu quase 200 pessoas em Dourados
Rodas de carreta se soltam e atingem mulher na calçada em Amambai
ACIDENTE
Rodas de carreta se soltam e atingem mulher na calçada em Amambai
CAMPO GRANDE
Nova fase da Operação Ormetà cumpriu 13 mandados de prisão preventiva
Policial paraguaio morre após ser baleado durante confronto em fazenda de brasileiro
FRONTEIRA
Policial paraguaio morre após ser baleado durante confronto em fazenda de brasileiro
COTAÇÃO
Dólar fecha em alta nesta quarta após forte queda na terça
REGIÃO
Carreta da Justiça atende em Jateí e segue para Vicentina
ECONOMIA
Governo busca linha de crédito específica para o Pantanal
CESTA BÁSICA
Pesquisa indica variação de 58% no preço do feijão e 38% no arroz em Dourados
CONDENAÇÃO
Banco indenizará empresa após denúncia de fraude em aplicativo

Mais Lidas

PANDEMIA
Casos de coronavírus levam fechamento de três agências bancárias em Dourados
PODER PÚBLICO
Gaeco volta às ruas de Dourados com nova operação
BR-376
Acidente entre Dourados e Fátima do Sul deixa um morto e dois feridos
CAMPO GRANDE
Homem apontado como parente de Rafaat é executado em frente a presídio