Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
PANDEMIA

Profissionais querem novo decreto e funcionamento diário das academias

12 agosto 2020 - 16h01Por Jessica Beatriz

No dia 30 de julho, a Prefeitura Municipal de Dourados publicou o decreto n° 2.788 com novas regras para o funcionamento das academias, o documento tem validade de 14 dias, a contar a partir do dia 31 de julho. Ao todo foram elencadas 23 normas para a volta das atividades, que vai desde a maneira que os aparelhos devem ser higienizados até a quantidade de pessoas por aula, conforme informado pelo Dourados News.

Com o prazo final do decreto se aproximando, proprietários de academias do município se mobilizam para que a administração permita que os estabelecimentos voltem a funcionar diariamente, seguindo as ordens de higienização estabelecidas.

Atualmente, as academias estão operando somente as segundas, quartas e sextas-feiras.

Conforme relatado pelo profissional da área, Everton Ribeiro, quanto menos dias disponíveis, aumenta a dificuldade de realizar um rodízio de pessoas por dia. “Só vai limitar os dias para as pessoas estarem indo para a academia, ou seja, a probabilidade de aglomeração é muito maior, então é uma coisa bem desconexa com a realidade”.

Ainda de acordo com o último decreto estabelecido, as academias devem fixar o documento com as normativas de funcionamento na entrada e no interior dos ambientes. Além disso, as aulas devem ser agendadas previamente, de modo a controlar o fluxo de alunos/usuários, a fim de evitar aglomerações ou com distribuição de senhas para cada horário disponível, respeitando a lotação de 30% da capacidade total do espaço.

Desde o dia 31 de julho, também ficou estabelecido a obrigatoriedade do sistema de barreira sanitária na entrada das academias, com um funcionário devidamente paramentado para medir a temperatura corporal dos frequentadores e vedar a participação nas daqueles que apresentem temperatura corporal superior a 37,8ºC, incluindo alunos, colaboradores e terceirizados.

Além disso, deve-se respeitar o intervalo de, no mínimo, 30 minutos entre cada aula, para fins de higienização/desinfecção dos equipamentos.

Diferentemente das academias, para os studios foram especificadas outras normas, no parágrafo §3º. “Os studios de atividades físicas poderão fazer atendimentos todos os dias da semana, desde que com no máximo 20% de sua capacidade de lotação e respeitadas as demais condições estipulas no §2º, do presente artigo”.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PREVENÇÃO
Bombas flutuantes são ativadas para garantir abastecimento de água em Corumbá
ECONOMIA
Economistas defendem investimentos públicos e taxação de ricos
INCENTIVO
Em segunda edição do programa, UEMS concede 711 auxílios para acesso à internet
POLÍCIA
Idoso é encontrado morto em valeta na região central de Itaporã
DOURADOS
Em MS, interessados em adquirir imóvel podem ter desconto no valor da entrada
ESPORTE
Vasco empata com Bragantino e entra, provisoriamente, no G4
PANDEMIA
Governo aposta que ‘Rastrear’ vai diminuir taxa de contaminação do coronavírus em MS
CONSUMIDOR
Após denúncias, Procon autua seis agências bancárias
PANDEMIA
Em um mês, mais de 5 mil aulas para primeira habilitação foram realizadas de forma online em MS
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA
Comissão mista se reúne para ouvir formuladores das propostas de reforma tributária

Mais Lidas

ATO DE FÉ
Após vigílias em frente a hospital, família celebra 'milagre' por homem que caiu do telhado
CAMPO GRANDE
Gêmeos são executados dentro de quitinete
POLÍCIA
Comerciante morre em acidente na MS-276
DEODÁPOLIS
Homem morre ao bater moto de frente com caminhonete da patroa