Menu
Busca sexta, 15 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
DOURADOS

Política machista explica baixa representatividade onde mulheres são 53% do eleitorado

19 novembro 2020 - 09h56Por André Bento

Maior colégio eleitoral do interior de Mato Grosso do Sul, Dourados tinha 164.395 eleitores aptos a votar no domingo (15), dos quais 87.660 mulheres e 76.735 homens. No entanto, ao final da apuração elas tiveram apenas três eleitas para a Câmara de Vereadores, enquanto eles conquistaram as outras 16 vagas. 

Para o cientista social Marcos Antonio da Silva, doutor em Integração da América Latina (PROLAM/USP) e professor do curso de Ciências Sociais e do Mestrado em Sociologia da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), essa baixa representatividade do sexo feminino no município é reflexo de política local machista. 

Na eleição de 2016 apenas uma mulher - Daniela Hall (PSD) - foi eleita vereadora no município e as três vitoriosas neste ano, Liandra da Saúde (PTB), Lia Nogueira (PP) e Daniela Hall - reeleita -, ocuparão menos de 20% dos gabinetes na Casa de Leis, embora o eleitorado feminino represente 53,3% do total no município, ante 46,7% do masculino. 

Ao analisar o resultado das eleições municipais deste ano a pedido do Dourados News, o especialista mencionou o aumento do número de candidatos neste pleito, 356 contra 227 no anterior, mas lembra que 66% eram homens e 33% mulheres, situação que, segundo ele, “ajuda a entender resultados e como a política local permanece machista”. 

Para o professor, o maior exemplo é a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, que nas eleições gerais de 2018 não teve nenhuma mulher eleita para suas 24 cadeiras. Somente nesta semana houve a posse de Mara Caseiro (PSDB), suplente convocada após a morte do parlamentar Onevan de Matos (PSDB). 

Mais partidos

Ainda com relação à disputa eleitoral deste ano em Dourados, Marcos Antonio da Silva menciona o aumento do número de partidos representados no Legislativo, “indicando maior fragmentação da Câmara e necessidade de maior negociação por parte do prefeito eleito para governar: eram 8 partidos em 2016 e agora são 12 partidos representados”. 

A maior bancada do Legislativo municipal será do DEM (Democratas), com quatro parlamentares. O MDB terá dois, mesmo número de PTB, Solidariedade e PSDB. Com apenas um estarão PP, PSB, Patriota, Republicanos, PT, Podemos e PSD. 

Segundo o especialista, a principal novidade destas eleições proporcionais foi o fim das coligações partidárias (para vereador), associado a continuidade do modelo de financiamento eleitoral.

Ele destacou ainda a votação de Gleice Jane (PT), opção de 1.762 eleitores, e Franklin Schmalz (Psol), de 1.490, que apesar de bem votados não se elegeram devido ao quociente eleitoral. 

O especialista destacou ainda quatro fatores como explicação possível para a queda do número de votos entre os candidatos mais votados neste ano, em comparação com 2016.

“O maior número de candidatos, consequência do fim das coligações proporcionais, o maior índice de abstenção (27% em comparação a 20% da última eleição), os efeitos do sistema de financiamento de campanhas e as estratégias (dos partidos e candidatos) que evitaram o destaque dos chamados 'puxadores de votos', entre outros aspectos”, elencou.

No domingo, os quatro candidatos a vereador mais votados foram Janio Miguel (PTB), opção de 1.894 eleitores, Lia Nogueira (PP), de 1.880, Liandra da Saúde (PTB), de 1.806, e Elias Ishy (PT), de 1.772. Há quatro anos, Marçal Filho (PSDB) foi eleito com 4.065 votos, Elias Ishy com 3.088, Silas Zanata (à época no PPS) 2.904 e Alan Guedes (então no DEM) 2.897.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Temporal deixou casas destelhadas e derrubou mais de 100 árvores em Dourados
CLIMA
Temporal deixou casas destelhadas e derrubou mais de 100 árvores em Dourados
AUTOMOBILISMO
Fórmula 1 anuncia temporada 2022 com recorde de 23 corridas
BRASIL
Butantan recebe autorização para iniciar testes de soro anti-covid
Após tentativa de fuga, mulher entrega casal de traficantes que acaba preso
AQUIDAUANA
Após tentativa de fuga, mulher entrega casal de traficantes que acaba preso
Acusado de distribuir cocaína para traficantes menores é preso
REGIÃO
Acusado de distribuir cocaína para traficantes menores é preso
ANASTÁCIO
Em atitude suspeita, jovem acaba presa por receptação
BRASIL
CPI da Pandemia redefine último dia de depoimentos na semana que vem
DOURADOS
Com instabilidade na rede elétrica, central de vacinação interrompe serviços
TEMPORAL
Ruas são interditadas em Dourados após vendaval; veja quais
CLIMA
Alan decreta situação de emergência após temporal que deixou rastro de destruição em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia indicia três e recupera R$ 32 milhões de golpe milionário em empresa
FRONTEIRA
"Olheiro" de vítimas da chacina em Pedro Juan é preso
VIOLÊNCIA
Ataque na fronteira deixa um morto e dois feridos, entre eles vereador
CLIMA
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados e causam estragos em posto da PRF