Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Pedro Lima, de Dourados, eleito presidente da Fetracom/MS

05 junho 2015 - 14h00

Da Redação

Pedro Lima, presidente do sindicato dos comerciários de Dourados, foi eleito presidente da Federação dos Trabalhadores no Comércio e Serviços de Mato Grosso do Sul – Fetracom/MS, na manhã de hoje em Campo Grande. Ele assume o lugar de Idelmar da Mota Lima, que permaneceu no cargo por dois mandatos (8 anos) e que integra essa chapa, como diretor tesoureiro.

Presidentes de sindicatos de comerciários de todo Estado participaram do processo eleitoral que contou com duas chapas, uma encabeçada por Pedro Lima e a outra, por Claudemir Paulo da Silva, do sindicato de Paranaíba.

“A eleição transcorreu num clima de harmonia, sem protestos e dentro de um processo democrático”, avaliou o presidente da Fetracom/MS, Idelmar da Mota Lima, que fica na direção da entidade até 5 de julho, quando Pedro Lima assume pelos próximos 4 anos.

Diretoria

Além de Pedro Lima e Idelmar, fazem parte da diretoria eleita, os seguintes sindicalistas: Dorival Pereira, diretor secretário; Estevão Rocha dos Santos, diretor de Patrimônio; Douglas Rodrigues Silgueiro, diretor social; Clodoaldo Fernandes, diretor de Recreação e Cultura; Orlando Terredor, diretor de Assuntos Econômicos; Divino José Martins, diretor de Legislação Sindical; Daniel de Araújo Ramalho, diretor de Legislação de Trabalho e Rubia Maria Nascimento Santana, diretora de Legislação Previdenciária.

O presidente eleito pretende fortalecer ainda mais a Fetracom na representatividade dos trabalhadores no comércio e serviços em todo Mato Grosso do Sul; fortalecer também todos os sindicatos filiados à entidade e empreender lutas em favor dos trabalhadores, como reduzir drasticamente o número de empregados no comércio que atuam hoje sem os devidos registros na CLT.

“Calculamos que mais de 20% dos 100 mil trabalhadores que o comércio e serviços emprega em todo Mato Grosso do Sul, não têm registro em carteira”, denuncia Pedro Lima, que quer um maior emprenho das autoridades do Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, para conter esses abusos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL
Marçal destina R$ 1,1 milhão em emendas para saúde de 10 cidades de MS
IMUNIZAÇÃO
Dourados terá três campanhas de vacinação em outubro
DOURADOS
Prefeitura prorroga vínculo com escritório contratado para auxiliar em licitações já anuladas
COMER BEM
Açaí Mr. Fit: sabor para todos os gostos
MAIS CARO
Preço do pão francês acumula alta de quase 8% no ano em MS
LEGISLATIVO DE MS
Assembleia mantém sessões remotas até 30 de outubro
BOA AÇÃO
Banda douradense faz live para ajudar criança com doença rara e degenerativa
SAÚDE & BEM - ESTAR
Exame oftalmológico é só com o médico oftalmologista!
ANGÉLICA
Polícia incinera mais de 1,7 tonelada de drogas
DOURADOS
Menor é flagrado com drogas e objetos suspeitos de serem produtos de furto

Mais Lidas

DOURADOS
Carro carregado com calhas capota após colisão e mulher fica ferida
PARANÁ
Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal
PEDRO JUAN
Terror na fronteira: três veículos de luxo são incendiados em pontos distintos
PANDEMIA
Prefeitura e MPE entram em acordo para retorno das aulas presenciais na rede privada