Menu
Busca terça, 31 de março de 2020
(67) 9860-3221

Para Jacini, é cedo para afirmar que morte de PM aposentado tenha ligação com PCC

09 março 2013 - 07h00

Wender Carbonari


O secretário, Wantuir Jacini, declarou através da assessoria de imprensa da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) que não descarta a hipótese de que morte do policial militar aposentado, Otacílio Pereira de Oliveira, de 60 anos, tenha relação com um ataque de alguma facção criminosa.

Oliveira foi assassinado na quarta-feira passada (6) em frente à própria residência no bairro Osmar Ferreira Dutra, em Três Lagoas. De acordo com informações policiais, o aposentado chegava perto da residência quando quatro homens armados efetuaram os disparos. Otacílio Pereira de Oliveira faleceu horas depois no Hospital Auxiliadora.

Na quinta-feira passada (7) um homem identificado como “Bodão” foi morto durante uma troca de tiros com a Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais) em Três Lagoas. Ele estava junto de outras três pessoas suspeitas de serem autores do crime.

Após fazer interceptações telefônicas, a polícia identificou ligações de “Bodão” com a facção criminosa, PCC. Segundo o secretário, Wantuir Jacini, os grupos de inteligência policial do Estado trabalham de maneira integrada com órgãos de segurança de outros Estados do país.

Porém, ainda não existe de fato a confirmação de que este seria um ataque do grupo contra policiais de Mato Grosso do Sul, assim como aconteceu nas últimas semanas em Santa Catarina e no Rio de Janeiro. O secretário afirma que todos os órgãos de segurança do Estado estão em alerta.

Para Jacini, é necessário esperar a conclusão do inquérito antes de fazer quaisquer afirmações. “A polícia ta investigando o caso e trabalhado com todas hipóteses, pois não dá para descartar nada, mas é muito cedo para afirmar que exista ligação com alguma facção criminosa”, afirma o secretário.

Dourados

Na noite de quinta-feira, o ‘alerta’ a qual se referia Jacini era visto em Dourados. Duas viaturas da Polícia Civil trancaram a rua que á acesso à delegacia e os veículos eram impedidos de passarem pelo local.

O Dourados News tentou contato com o delegado Carlos Videira durante a tarde de ontem (08), mas, sem sucesso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Detran-MS faz alerta sobre pagamentos de guias durante fechamento das agências
COVID-19
Tendas são montadas no HV e na Upa para fazer triagem de pacientes
VISANDO A CÂMARA
Secretários deixam cargos mirando as eleições de outubro em Dourados
BRASIL
Senado deve votar projeto que cria renda básica durante pandemia
EDUCAÇÃO
Enem digital será aplicado em 11 e 18 de outubro e o impresso, 1º e 8 de novembro
NEGÓCIOS & CIA
Pizzaria de pequeno porte realiza campanha solidária e de início entrega seis pizzas ao SAMU
DOURADOS
Délia diz que nova definição sobre comércio será anunciada até dia 7
CAPITAL
Ministro da Saúde publica homenagem a amigo encontrado morto em MS
FUTEBOL DE MS
Desde 2013, líder da primeira fase do Estadual não fica com o título
COVID-19
Comitê popular faz campanha de arrecadação de alimentos para ajudar pessoas durante a pandemia

Mais Lidas

FRONTEIRA
Acidente na MS-164 em Ponta Porã leva pai e filho a óbito
DOURADOS
Homem entra em veículo e anuncia assalto com arma de brinquedo; vídeo
DOURADOS
Homem leva surra de populares e é detido por furtar dois veículos em Dourados
NOTA PREMIADA
Lista de ganhadores já está disponível para consulta