Menu
Busca sábado, 28 de março de 2020
(67) 9860-3221
DOURADOS

'Isolamento' muda rotina e famílias precisam inventar com crianças em casa

26 março 2020 - 12h08Por Jessica Beatriz

A pandemia do coronavírus também tem mudado a rotina de algumas famílias sul-mato-grossenses. Com a paralisação das redes de ensino municipal, estadual e particular e as crianças dentro de casa, pais e mães veem a necessidade de adequar o dia a dia delas com novos hábitos. 

Para a advogada, Lilian Raquel de Souza Silva, mãe de duas meninas, de 14 e 10 anos, ter as filhas isoladas em casa traz a sensação de segurança, mas também triplicou os afazeres diários.

Ela que se divide entre trabalho home office, tarefas domésticas e no auxílio das crianças nas atividades, enfatiza que o momento não é de férias. Apesar das meninas se distraírem com televisão e celular também precisam fazer exercícios e manter uma rotina.

“Quando não fazemos faxina, elas fazem exercícios físicos com o pai. Colocamos músicas na televisão e elas ficam dançando. Além de distraí-las, também é uma forma de mantê-las ativas durante esse período”, explica ela.

Uma das principais justificativas para fechar as escolas é que, apesar das crianças não se enquadrarem no grupo de risco, elas podem ter contato com pessoas contaminadas com o vírus e transmiti-lo  para os idosos, como é o caso dos avós, que normalmente pela idade, estão entre os que correm mais riscos.

A pequena Betina de cinco anos já está entediada por ficar tanto tempo em casa, segundo a mãe Sterphane Ximenes. Ela que é extremamente ativa e acordava cedo para ir à escola, continua com os mesmos horários. Em breve ela receberá atividades da escola e também do inglês.

“Ela é totalmente independente. Levanta e vai brincar sozinha ou assistir televisão e, apesar de dizer que está entediada, ela está se adaptando bem. Nós que sofremos um pouco para acompanhar o ritmo e acordar no mesmo horário”, explica a mãe que é advogada e está trabalhando no modo home office também.

De acordo com a psicóloga, Mylena Miliorini, os pais precisam manter os filhos ocupados nesse momento.

“É importante que conversem com eles sobre o que está acontecendo, com uma linguagem que seja possível a compreensão da criança, abordando os cuidados de higiene que precisam ter para não se contaminarem. Além disso, é necessário que as crianças tenham uma rotina de atividades, mas também de lazer todos os dias para não ficarem ansiosas, e para que não tenham maiores dificuldades no momento de retornarem as atividades normais”, destaca ela.

Uma nova rotina para as famílias

Em meio a pandemia do coronavírus, uma nova realidade começa a ser desenhada dentro dos lares, com os pais sendo liberados do trabalho ou trabalhando em modelo home office, esse acaba sendo um momento oportuno para, além da diversão, estreitar laços entre a família.

Elaine Araújo, auxiliar de apoio educacional, comenta que apesar do momento preocupante, essa é uma oportunidade de estar mais com o filho Higor de dez anos. Ela e o pai da criança, normalmente trabalham em horário comercial e não disponibilizam de muito tempo.

“Agora temos a chance de fazer as refeições juntos, conversar, fazer brincadeiras. Aproveitamos também para fazer orações com ele e ensinar o que está na bíblia”, explica a mãe.

Para a psicóloga e psicopedagoga, Rosely Gomes, o ideal é focar nos estudos, além de fortalecer os vínculos familiares.

“Os pais precisam ser criativos para distraí-los, propor brincadeiras como dominó e xadrez, fazendo com que eles se divirtam e se aproximem afetivamente”, relata.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Estado de São Paulo registra 10 mortes por coronavírus em 24 horas
CLIMA
Dourados deve ter sábado nublado com possível chuva isolada
ACORDOS
MPT/MS repassa R$ 75 mil em recursos trabalhistas para a Covid-19
RESTRIÇÃO
Brasil proíbe entrada de estrangeiros no País em voos internacionais
CAPITAL
“Ninguém entra”: presos barram entrada de agentes em cela de presídio
HU
Ebserh contratará 6 mil profissionais para o enfrentamento ao Covid-19
POLÍCIA
Caminhonete conregistro de roubo é recuperada pela PRF em Naviraí
SAÚDE
Hospital Regional de Ponta Porã instala estrutura para pacientes com dengue
NOVA ANDRADINA
Trabalhador é resgatado após cair em fossa em construção de 9 metros
BALANÇO
MPT recebe 2.400 denúncias de violações trabalhistas relacionadas à Covid-19

Mais Lidas

COVID-19
Saúde confirma coronavírus para mulher internada em Dourados e casos chegam a 28 em MS
PANDEMIA
Bebê de três meses é novo caso confirmado de coronavírus em MS
DOURADOS
Sindicato emite nota e diz que empregados foram obrigados a participar de ato
BATAYPORÃ
Paciente com suspeita de coronavírus é internada em estado grave em Dourados