Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Novos convocados da Educação tomam posse em dezembro

16 outubro 2020 - 12h05Por Da Redação

A chamada de novos concursados para o serviço público em Dourados está em fase final de levantamento de vagas puras.

A Secretaria de Educação levantou o número das vacâncias originadas de aposentadorias, falecimentos e exonerações de profissionais de Educação efetivos. 

Com a chamada, cujo edital será publicado dia 03 novembro, o próximo ano vai iniciar com as vagas puras todas preenchidas. Com a posse em dezembro, no término do ano escolar, os gestores poderão ter as unidades escolares organizadas para o retorno das aulas em 2021, e com os professores devidamente lotados em Escolas e Ceims.

A Prefeitura de Dourados está convocando 128 profissionais de Educação para lotação imediata.

Trata-se de remanescentes do concurso público de 2016. São vagas puras, por readaptações definitivas, aposentadorias e morte, previstas na Lei Complementar nº 118 de 31 de dezembro de 2017. 

São 108 profissionais do magistério municipal, nas funções de Anos Iniciais, Educação Infantil e Educação Física. As demais vagas são para Especialistas em Educação, Supervisão Técnica Escolar e Assistente de Apoio Educacional.

Novo certame 

Na quarta-feira (14/10) a prefeita Délia Razuk (sem partido) expediu dois decretos dando início aos procedimentos necessários à realização de concurso público para preenchimentos de vagas na prefeitura de Dourados. Essa iniciativa atende ordem judicial que prevê o cumprimento de acordo celebrado originalmente há quase dois anos.

Ambos são justificados pela “necessidade de cumprimento dos Autos n.º 0900167-15.2019.8.12.0002 da 6ª Vara Cível da Comarca de Dourados, para realização de concurso público".

O Dourados News apurou tratar-se de uma Execução de Título Extrajudicial contra a Fazenda Pública movida pelo MPE-MS (Ministério Público Estadual) inicialmente em 22 de outubro de 2019.

Nesse documento, narram que “o município de Dourados assumiu obrigações relacionadas à composição e funcionamentos da proteção social básica e proteção social especial de média complexidade através dos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS visando sanar inúmeras irregularidades, dentre elas a nomeação de cargos comissionados para exercerem a coordenação dos CRAS de Dourados, a ausência de servidores para o atendimento satisfatório da demenda existente as deficiências da rede de proteção socioassistencial municipal no âmbito do Sistema Único de Assistência Social”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Governo regulamenta renegociação de dívidas com o Fies
RIO PARAGUAI
Pescador é preso por capturar peixes abaixo da medida permitida por lei
FUTEBOL
Haaland, o nove que assinará com o Madrid (se o coronavírus permitir)
MAUS-TRATOS
Após denúncia, idoso é resgatado de cárcere privado em Bataguassu
DOURADOS
Três dos sete candidatos a prefeito já mediram forças nas urnas por um mesmo cargo
SAÚDE
Sanesul amplia serviços de saneamento no município de Ponta Porã
TRÁFICO
Motorista preso tem 41 anos e transportava maconha sob caixas usadas para armazenar frutas
EXTORSÃO
STF mantém preso servidor público de Dourados condenado após enganar cigarreiros
LEGISLATIVO
Parlamentares devem apreciar três matérias na sessão desta quinta
TRÁFICO DE DROGAS
Jovens que saíram de Dourados são flagrados com maconha no interior paulista

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente entre carreta e motocicleta mata mulher na BR-163
HOMICÍDIO EM 2013
Condenada pela morte do ex em Dourados é presa na Capital
DOURADOS
Motorista bêbado causa acidente em semáforo da Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Carona de motociclista que morreu em acidente com carreta corre risco de ter perna amputada