Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Murilo diz que Dourados será divulgado de forma positiva

19 janeiro 2011 - 15h36

Em contato com a reportagem após o encerramento de mais uma reunião com diversas pessoas nas dependências do clube Ubiratan na Cabeceira Alegre, o ex-governador Murilo Zauith, do DEM (Democrata), um dos candidatos a prefeito na eleição extemporânea que acontecerá no próximo dia 6 para prefeito de Dourados, disse que caso seja eleito, uma das suas metas será a de levar o nome da cidade de forma positiva para o resto do país e também para o mundo.

Para Murilo Zauith, o momento atual em que vive Dourados é muito bom depois da tempestade que assolou Dourados quando foi desencadeada a operação “Uragano” realizada pela PF (Polícia Federal) que resultou na prisão do ex-prefeito Ari Artuzi, de seu vice Carlinhos Cantor, da 1ª dama, nove dos 12 vereadores, secretários, servidores e empresários, além do indiciamento de outros dois vereadores.

Vale lembrar que dos 12 vereadores, apenas a vereadora e atual prefeita interina Délia Razuk (PMDB), não se envolveu no suposto crime de propina que resultou nas prisões acima citadas.

Com relação aos fatos ocorridos em 1º de setembro, Murilo Zauith foi taxativo e disse que: “Temos que esquecer tudo isso que aconteceu e que manchou mais uma vez o nome de nossa cidade na mídia nacional e internacional. Acredito que a virada de Dourados rumo ao desenvolvimento e de justiça social começou com a administração interina do juiz Eduardo Machado Rocha e agora pela prefeita interina Délia Razuk. Eleito, vou dar continuidade neste trabalho de moralidade na administração municipal e fazer com que nossa cidade vá sim para a mídia nacional e internacional, porém de forma positiva, mostrando que aqui a gente produz muitas coisas boas e que o futuro para nossas crianças e principalmente para os nossos jovens está aqui”, relatou o ex-vice-governador.

Dizendo estar se sentindo a vontade com os partidos que se colocaram à disposição em compor a sua proposta em reconstruir a cidade, Murilo Zauith diz que Dourados a partir deste ano vai pensar grande, com um único objetivo, que é o de favorecer a classe trabalhadora, em especial a família de baixa renda que tanto necessita do apoio do poder público municipal na área de educação, saúde, transporte, na segurança e no lazer, valorizar os servidores públicos, enfim, o ex-vice-governador entende que está na hora de passar a cidade a limpo, com um amplo investimento nas áreas que a população tanto faz por merecer.

“Todos sabem que sempre sonhei em administrar esta cidade, e com o apoio do governador André Puccinelli, da nossa base aliada em Dourados, dos nossos companheiros que caminham juntos comigo neste projeto que temos em mãos para serem aplicados na nossa cidade, entendemos que com critérios técnicos, com seriedade e principalmente com o pensamento voltado ao bem estar de nossa população, teremos sim, a grande oportunidade de transformar a nossa cidade em uma das mais prósperas do país.
Vamos trabalhar muito e sei de minhas responsabilidades, pois sempre disse que estou preparado para enfrentar desafios, principalmente este que vêm pela frente, que é o de resgatar a alta estima de nossa população, em especial as famílias que sempre dependeram do poder público na área de saúde, educação, creches para que as mães possam ir trabalhar com a certeza de que seus filhos estão sendo bem tratados.
 Enfim, sabemos do grande desafio que nos espera e esperamos não fazer milagres, mais sim trabalhar muito para colocar as coisas públicas em ordem, para que possamos olhar para frente, para o futuro e esquecer o passado, principalmente o mais recente que colocou o nome de Dourados de forma negativa mais uma vez ma mídia nacional e internacional”, finalizou Murilo Zauith feliz em poder colocar mais uma vez o seu nome para que administrar a cidade onde afirma ter constituído a sua família, criou seus filhos e que mantém todos os seus investimentos.
“Se Deus quiser nossa cidade será uma das mais pujantes, mais desenvolvida e mais comentada no país, mais de forma positiva e não negativa como sempre ela foi tratada”, finalizou o ex-governador e um dos candidatos a prefeito nas eleições de 6 de fevereiro próximo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGO
Processo seletivo da Prefeitura de Maracaju terá salários de até R$ 8,5 mil
EDUCAÇÃO
Prazo para pedir isenção de taxa do Enem começa nesta segunda-feira
POLÍCIA
Foragido da Justiça é preso após agredir namorada adolescente
POLÍCIA
Mulher encontra seus três cachorros envenenados e suspeita de vingança do ex
Grêmio vence Inter de virada e larga em vantagem na final do Gauchão
ESPORTE
Grêmio vence Inter de virada e larga em vantagem na final do Gauchão
ESPORTES
Palmeiras domina o Corinthians, vence em Itaquera e vai à final do Paulistão
POLÍCIA
Homens são flagrados carneando vaca furtada e um deles tenta agredir policial a facada
PANDEMIA
Variante da Covid-19 que surgiu no Brasil já foi detectada em 16 países latino-americanos
ECONOMIA
INSS libera prova de vida digital para aposentados e pensionistas
POLÍCIA
Motorista andou pelo menos 1,5 km com namorada pendurada no capô

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
CAPITAL
Jovem sai para comprar narguilé e morre após colidir moto contra poste