Menu
Busca segunda, 10 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Mostra de arte índigena começa amanhã em Dourados

08 setembro 2004 - 09h08

Um encontro vai reunir, no Parque dos Ipês, em Dourados, o melhor do artesanato produzido por indígenas de cinco etnias. A mostra Mercado Étnico - Arte Indígena, Artesanato e Cultura Popular de Mato Grosso do Sul acontecerá de amanhã, até o próximo domingo, dia 12 de setembro e terá peças produzidas por guaranis (kaiowá e Nandeva), guatós, kadiwéus, ofayé-xavantes e terenas, além de material produzido por artesãos não-índios.O evento é realizado pela Oikos Cooperativa de Trabalho Socioambiental, de Campo Grande, em parceria com a Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo da Prefeitura de Dourados. A finalidade do evento, que promete ser o mais diversificado do artesanato no Estado, é estimular o desenvolvimento local e cultural, fomentando a troca de tecnologia, oportunizando a geração de trabalho e renda entre os grupos participantes.O segmento artesanal de Mato Grosso do Sul apresenta-se com design e tecnologia diferenciada pela rica diversidade cultural encontrada na região, porque o Estado originou-se a partir da mistura de povos, como paraguaios e bolivianos; migrantes vindo de diversas partes do país, e, sobretudo, as etnias indígenas que já habitavam a região. Historicamente Mato Grosso do Sul concentrou uma grande número de indígenas e hoje possui a segunda maior população de índios do Brasil, 31.069 pessoas. Muito dos costumes, manifestações artísticas e folclóricas têm raiz nos traços marcantes desse povo. Essas manifestações culturais eram repassadas pelos ancestrais, assim, perpetuando a arte por meio do tempo. Entre as diversas manifestações artísticas provindas deste povo é mais expressiva a etnografia indígena, isto é, símbolos expressos em formas e cores que variam de uma etnia para outra. Em grande parte do artesanato encontrado na região, tanto dos grupos indígenas, quanto dos não-índios pode ser encontrado este tipo de expressão artística. Outra influência para esta mistura de ritmo e de cores, e que expressa as peculiaridades da região é a harmonia com a natureza. Ela pode ser reconhecida na cerâmica, tecelagem, traçados, bordados e no paladar, a exemplo dos doces, comidas típicas e licores de frutas típicas da região.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA SEM CONTROLE
Brasil chega a 15,19 milhões de casos e 422,3 mil mortes por covid-19
BURITI
Esfaqueado, homem volta para festa, passa mal e morre em UPA
ESPORTE
Operário aproveita desfalques, goleia União ABC e reassume liderança
MEIO AMBIENTE
Agrônomo é autuado em R$ 12,5 mil por derrubada ilegal de árvores
IMUNIZANTE
Saúde distribui 1,12 milhão de vacinas da Pfizer a partir de amanhã
SÃO PAULO
Brasileiro acusado de terrorismo na Ucrânia é preso com drogas e munições
PROCESSO SELETIVO
Abertas inscrições para seleção de estagiários de Direito em Bela Vista
FUTEBOL
Com Palmeiras classificado, Paulistão define confrontos das quartas
OFENSA
Motorista tem caminhão roubado e é mantido em cárcere privado
OPORTUNIDADE
Exército abre concurso com 440 vagas para preparação de cadetes

Mais Lidas

DOURADOS
Adolescentes flagrados em festa 'entregam' distribuidora que vendeu bebidas alcoólicas
BR-163
Colisão entre viatura e carreta termina com policial ferido
ACIDENTE
PRF diz que policial saiu andando de viatura após colisão com carreta
BR-163
Viatura da PRF estava com apenas um ocupante quando colidiu contra carreta