Menu
Busca segunda, 20 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
GREVE NA EDUCAÇÃO

Com salas esvaziadas, 99% das escolas estão funcionando, diz Semed

17 julho 2014 - 11h53

Thalyta Andrade

De acordo com a Semed (Secretaria Municipal de Educação de Dourados) pelo menos 99% das escolas da rede municipal estão em pleno funcionamento no retorno do ano letivo, ainda que os educadores estejam oficialmente em greve geral. A informação foi repassada ao Dourados News no fim da manhã desta quinta-feira pela assessoria de comunicação da prefeitura.

Ainda na manhã de hoje, o Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação) divulgou balanço parcial indicando que após apurar aproximadamente 70% das 45 escolas de seis Ceims (Centros de Educação Infantil Municipal) da rede, apenas quatro estavam com as atividades normais.

O Dourados News esteve em algumas escolas e Ceims de bairros como o Jardim Flórida II, Jardim Água Boa, Vila Cachoeirinha, e Jardim Olinda. Uma dessas unidades, a Escola Municipal Professora Efantina de Quadros, estava com as atividades totalmente suspensas, apenas com servidores comissionados presentes.

Nas demais, as salas estavam nitidamente esvaziadas, com algumas exceções. Entre os educadores que desenvolviam suas atividades, as opiniões foram divididas tanto em meio a efetivos quanto em meio aos comissionados.

“A gente que é comissionado tem que estar aqui porque somos ameaçados com retaliação, corte de ponto. O efetivo também, mas ele tem naturalmente uma segurança maior”, apontou uma professora que preferiu não se identificar.

Com relação às salas esvaziadas, a opinião foi quase que unânime entre professores e também diretores. “Houve muita confusão entre os pais porque o sindicato recomendou para não trazer as crianças, e a prefeitura recomendou para trazer. Então a maioria preferiu deixar os filhos em casa mesmo”, disse um diretor que também não quis se identificar.

De acordo com informação da Semed repassada pela assessoria de comunicação da prefeitura, a volta às aulas dos 27 mil alunos da rede municipal “segue tranquilamente e sem transtornos” e o esvaziamento das salas se dá pelo “natural retorno gradativo dos alunos ao ano letivo, dentro da normalidade”.

IMPASSE

Simted e prefeitura fazem recomendações diferentes em meio a greve dos educadores. O primeiro orienta para que os pais não levem seus filhos às escolas e ressalta que a adesão à paralisação deve chegar a 100% na semana que vem. Já a Semed recomenda que os pais encaminhem os filhos às escolas porque essas estão funcionando normalmente.

Conforme informado ao Dourados News pelas duas partes, não há ainda nenhuma nova audiência marcada para discutir os rumos das negociações entre ambas. A greve acontece porque o Simted reivindica junto ao governo municipal o cumprimento do acordo de negociação salarial realizada em abril deste ano do quadro administrativo e do magistério, cumprimento da lei nacional do piso para o magistério, abertura de concurso público, alteração na lei de readaptação que prejudica os vencimentos dos trabalhadores readaptados, inclusão dos servidores administrativos no Plano de Cargos e Carreiras da Educação e garantir o direito de aposentadoria especial para coordenadores das escolas.

Já a Semed propôs aos professores que o que é possível neste momento, devido à crise financeira que atinge o município, conceder o reajuste de 8,32% para professores e de 6,15% para os administrativos a partir de julho, retroativo a abril, como determina lei. O reajuste do período seria concedido em três parcelas, junto com o salário já corrigido em julho. Já com relação ao piso, a Semed alega que a reivindicação representa dobrar o valor pago em folha atualmente e isso demanda um grande volume de recursos. Ainda conforme a secretaria, a proposta neste aspecto é que até outubro deste ano seja apresentado ao Simted um estudo de como conceder o piso da forma como o sindicato reivindica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dupla é presa em flagrante com drogas e dinheiro
REGIÃO
Dupla é presa em flagrante com drogas e dinheiro
Homem perseguia comerciante há meses e foi preso em Brasilândia
CRIME
Homem perseguia comerciante há meses e foi preso em Brasilândia
Com previsão de 43°C, Dourados tem alerta de onda de calor e de baixa umidade
TEMPO
Com previsão de 43°C, Dourados tem alerta de onda de calor e de baixa umidade
CASSILÂNDIA
Após sair da prisão, homem mantém ex-mulher em cárcere por seis dias
Decreto regulamenta reconhecimento de dívidas da União junto à Caixa
BRASIL
Decreto regulamenta reconhecimento de dívidas da União junto à Caixa
REGIÃO
Mulher apanha, é forçada a ir em festa e homem vai preso
HOMENAGEM
Sessão solene da Câmara de Dourados celebra o Dia do Povo Gaúcho no CTG
CRIME DE ABANDONO
Cinco cães são resgatados em situação de maus-tratos na capital
ETAPA CORUMBÁ
Jardim e Nioaque são campeões da Região Oeste da Liga MS de Voleibol
ECONOMIA
Começam a valer hoje novas alíquotas do IOF

Mais Lidas

'AMIGÃO'
Bêbado bate carro e deixa amigo ferido em canteiro
EVENTO CLANDESTINO
PM encerra festa com pelo menos 2 mil pessoas em Dourados
POLO INDUSTRIAL
Expansão industrial impulsiona investimentos logísticos em Dourados
LOTERIA
Douradense fatura R$ 31 mil ao acertar na quina