Menu
Busca quarta, 28 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Falta de conscientização ainda atrapalha coleta de recicláveis

04 janeiro 2018 - 13h20Por Guilherme Pires

Papel, copos e pratos descartáveis, vidro e garrafas pet. Esses são apenas alguns dos inúmeros materiais que podem ser reciclados, mas que infelizmente por falta de conscientização da população, o destino deles acaba sendo a natureza. 

Com as festas de final de ano aumenta a demanda de itens recicláveis, o que por um lado, não é tão ruim, já que os funcionários e colaboradores da Agecold (Associação dos Agentes Ecológicos de Dourados), passam a ter mais trabalhado e, consequentemente, renda maior. 

No entanto, um dos colaboradores da associação, Plínio de Jesus Bastieni, menciona que de um total de 100% dos materiais que chegam para reciclar, apenas metade consegue ser aproveitado. 

“Falta um trabalho de conscientização por parte dos órgãos públicos como prefeitura e Imam (Instituto do Meio Ambiente) para a população que não separa o que é reciclável do lixo orgânico ou então, não sabe diferenciar o que de fato dá para aproveitar e o que não dá”, contou.

Ele também mencionou que com o caminhão adquirido no ano passado, todos os dias é realizado a coleta não só em residências, mas também em lojas e supermercados em algumas regiões da cidade. 

“Nosso caminhão realiza a coleta desses materiais todos os dias, em lojas, supermercados, casas e também edifícios, no entanto, Dourados é atendido nesse sentido somente em 10%, mais ou menos, por isso, o trabalho é lento”, disse Plínio, ressaltando que com o novo maquinário, as condições de trabalho dos funcionários melhoraram. 

“Com a esteira e a empilhadeira, agora os trabalhadores não ficam mais agachados separando os materiais e nem precisam carregar fardos de 200 quilos, pois agora é serviço da empilhadeira”, conclui.

Materiais recicláveis e não recicláveis

Já que o assunto é a falta de conscientização, o Dourados News destaca agora o que é e o que não é reciclável. 

Os que podem ser reaproveitados são: copos, sacos/sacolas, frascos de produtos, tampas, potes, canos e cubos de PVC, embalagens pets como garrafas de refrigerante entre outros. 

Já os que não podem ser descartados na natureza, porém não podem ser reciclados são porcelanas, papel carbono, restos de comidas, papéis sanitários, solventes químicos. 

Serviço

A Agecold (Associação dos Agentes Ecológicos de Dourados), fica na Rua Pedro Rigotti, e fica aberto de segunda a sexta-feira, das 07h às 17h. O telefone para contato é o 3423-0917.


 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Advogado preso por morte de PM em acidente consegue liberdade
PARCERIA COM A CHINA
Anvisa libera importação de matéria-prima para vacina do Butantan
MIRANDA
Mulher de 36 anos é multada por atropelado gato intencionalmente
EDUCAÇÃO
UEMS realiza pela 1ª vez Encontro de Iniciação Científica on-line
CAPITAL
Ladrão esquece RG ao furtar bicicleta e confessa que a vendeu em boca de fumo
SAÚDE PÚBLICA
Após críticas, Bolsonaro diz que revogou decreto sobre privatizações no SUS
LOTERIA
Confira as dezenas da Mega-Sena, que pode pagar R$ 45 milhões
NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil passa de 158 mil mortes por Covid com tendência de alta em 3 estados
CRIME AMBIENTAL
Homem é preso e autuado em R$ 2,3 mil por pescar com petrecho ilegal
INSCRIÇÕES
Comarca de Aquidauana selecionará estagiários de Direito

Mais Lidas

DOURADOS
Enquanto filma chuva, interno mostra ‘plantação’ de maconha em cela da PED
GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
BR-463
Homem para carro em bloqueio, desce atirando e morre em confronto com a polícia
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade