sexta, 14 de junho de 2024
Dourados
32ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Mercado Solidário em Dourados agrada comerciante

08 novembro 2004 - 17h50

A primeira edição do Mercado Solidário, em Dourados, agradou os grupos produtivos que tiveram a oportunidade de mostrar seus produtos na feira organizada na Praça Antônio João, de sexta-feira até domingo Na solenidade de abertura participaram o superintendente do Sebrae/MS, Vagner Simone Martins, o prefeito Laerte Tetila, e outras autoridades do município..

O prefeito Laerte Tetila, participou da abertura na sexta-feira à tarde dizendo que são pelo menos 300 pessoas que compõem a rede solidária no município e comentou do desafio e do compromisso que tem no próximo mandato. Tetila reconheceu o papel do Sebrae/MS que “tornou o sonho possível e prova que a economia solidária e informal é viável”. O prefeito disse ainda que pretende estender a proposta para o campo nos próximos anos de mandato.

Na avaliação do diretor superintendente do Sebrae/MS, Vagner Simone Martins, o Mercado Solidário é também um dia de alegria, em que os empreendedores podem comercializar seus produtos, participar de treinamentos e palestras e junto com a comunidade acompanhar ainda apresentações culturais de música, dança e teatro. “É preciso novos conhecimentos porque o consumidor esta exigente e saber agregar novos valores aos produtos pode melhorar a renda”, comentou.

Os grupos produtivos aprovaram a criação do Mercado Solidário e querem reprise da feira. “Estamos precisando de outras iniciativas como esta porque é mais uma opção de venda”, comentou a artesã Iracema Batista Paes, 60 anos. Ela também elogiou a infra-estrutura montada para receber os empreendedores. Todas as barracas eram cobertas e tinham balcão para mostra dos produtos.

Para a empreendedora Joana Alves de Aquino, 55 anos, a feira do Mercado Solidário, foi a primeira oportunidade de venda dos produtos de limpeza que ela e mais alguns amigos resolveram confeccionar depois de um curso realizado em setembro. Com apoio do Sebrae eles criaram uma marca, a Limp Bril, e começaram a fabricação de forma artesanal. “A feira é uma alternativa de elevar a auto-estima de pessoas como eu, acima dos 50 anos, que não tem mais expectativa de conseguir emprego. Antes de conhecer o Sebrae eu não sabia que podia crescer trabalhando em grupo e em casa”, afirmou.

O Mercado Solidário é promovido pelo Sebrae/MS em parceria com a Associação Comercial e Industrial, prefeitura Municipal, Fundação de Cultura e de Esportes, Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, Secretaria Municipal de Assistência Social e Economia Solidária e o Idaterra. Esta foi a primeira edição em Dourados e reuniu 44 grupos produtivos de 11 municípios.

Além da feira, onde os empreendedores expõe e vendem seus produtos, acontecem também palestras e clínicas tecnológicas, apresentações culturais

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cheiro denuncia e motorista é preso com mais de 160kg de maconha em veículo
TRÁFICO

Cheiro denuncia e motorista é preso com mais de 160kg de maconha em veículo

LEGISLATIVO DE MS

Proposta versa sobre inserção dos jovens no mercado de trabalho em MS

Não é só gotinha: entenda como funciona a vacinação contra a pólio
IMUNIZAÇÃO

Não é só gotinha: entenda como funciona a vacinação contra a pólio

Jeep roubado no Rio de Janeiro é recuperado em MS
POLÍCIA

Jeep roubado no Rio de Janeiro é recuperado em MS

Fortalecimento do SUAS foi tema de audiência pública realizada na Câmara
DOURADOS

Fortalecimento do SUAS foi tema de audiência pública realizada na Câmara

BRASIL

Produção industrial recua em cinco dos 15 locais pesquisados em abril

TRÁFICO

Polícia apreende em Itaquiraí droga que seria entregue em Santa Catarina

ANASTÁCIO

MPMS oferece denúncia contra policiais militares suspeitos pela morte de ex-vereador

BRASIL

Pacheco diz que projeto do aborto "jamais iria direto ao plenário"

CONTRABANDO

Dois são presos com mais de R$ 500 mil em produtos que seriam entregues em Dourados

Mais Lidas

DECISÃO

Mesmo sem duplicação de pontos críticos, pedágios da BR-163 aumentam a partir desta sexta-feira

VENDA DE ALIMENTOS

Ministério Público pede fechamento de cantinas em presídios de MS

LUTO

Policial civil sofre infarto no trabalho e morre em hospital de Dourados

DOURADOS

Com investimento de quase R$ 4,5 milhões, asfalto no Altos do Indaiá tem ordem de serviço autorizada