Menu
Busca sábado, 23 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397

Ladrões continuam agindo em Dourados

04 outubro 2003 - 07h50

Os roubos não Param de acontecer em Dourados. Ontem por volta das 20 horas João Ricardo de Oliveira Silva, 18 anos, residente na Alameda dos Eucaliptos, Portal de Dourados, saia de uma academia, quando foi abordado por um homem armado que estava de bicicleta e após lhe render levou um aparelho de telefone celular e a importância de cinco reais. Já por volta das 22 horas, os estudantes A.S.S. 14 anos e D.L.M.S., de 10 anos, filhos do comandante do 2º Grupamento de Bombeiros de Dourados, coronel José Antônio Pereira dos Santos, estavam em frente a residência, localizada na rua João Vicente Ferreira, quando foram rendidos por dois homens que levaram as bicicletas dos mesmos.As ocorrências foram Registradas no 1º Distrito Policial de Dourados. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Novos profissionais comemoram graduação em Medicina na UFGD
LEGISLATIVO
Projeto susta decisão da Receita Federal sobre exportação de suco de laranja
Jiboia é capturada nos fundos de residência em Bonito
MEIO AMBIENTE
Jiboia é capturada nos fundos de residência em Bonito
PANDEMIA
Número de casos de Covid-19 chega a 8,75 milhões no Brasil
REGIÃO
Sanesul apresenta investimentos em saneamento à prefeitura de Água Clara
IMUNIZAÇÃO
Projeto exige dados sobre raça, sexo e pessoa com deficiência em notificações de Covid
ESPORTE
Juventude bate Figueirense e segue na luta pelo acesso à Série A
Fisioterapia e Farmácia estão entre as profissões que mais crescem na pandemia
R$ 7,9 MILHÕES
Rede de coleta de esgoto avança em Guia Lopes da Laguna
Vestibular 2021
Em Amambai, Uems oferece vagas para cursos de Ciências Sociais e História

Mais Lidas

DOURADOS
Segundo corpo encontrado às margens da BR-163 é identificado
VIAGEM SANTA
PF deflagra operação contra tráfico de drogas em empresas de turismo religioso de Dourados
DOURADOS
Um dos corpos encontrados às margens da BR-163 foi quase decapitado
DOURADOS
Alvo da PF, empresário foi preso com armas e fortuna ao sofrer atentado em 2019