Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Juiz libera jovens de 16 a 18 anos durante o Carnaval de Dourados

03 fevereiro 2013 - 09h45





Após reuniões com representantes da Secretaria de Cultura, Polícia Militar, Conselho Tutelar e Ministério Público, o juiz da Vara da Infância e da Juventude Zaloar Murat Martins de Souza definiu que será permitida a entrada de jovens com idade de 16 a 18 anos no recinto do Dourados Folia 2013 durante a noite.



Crianças com menos de 16 anos só terão a entrada permitida durante as matinês, que acontecem no domingo e na terça-feira, das 16h às 18h, desde que acompanhados dos pais ou responsáveis devidamente identificados e autorizados.



Na portaria 001/2013, que “disciplina o ingresso, a permanência e a participação de crianças e adolescentes nos bailes e brincadeiras carnavalescas”, baixada pelo juiz Zaloar Murat, foram levados em consideração diversos itens do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), no qual são garantidos os direitos dos jovens e buscado o máximo de segurança.



A portaria destaca o direito fundamental de acesso a espaços culturais e de lazer para a infância e a juventude, como diz o artigo 59 do ECA, e que é dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar a efetivação de direitos, entre eles a convivência familiar e comunitária.

Ainda de acordo com a portaria, “os adolescentes maiores de 16 anos e menores de 18 anos, desde que devidamente documentados, independentemente de estarem na companhia de qualquer responsável legal, poderão participar dos bailes e brincadeiras carnavalescas, inclusive blocos, realizados em período noturno”, determinando a seguir que “as crianças e os adolescentes menores de 16 anos somente poderão participar das festivas carnavalescas mencionadas no artigo anterior, em período diurno (matutino/vespertino), desde que na companhia de qualquer dos pais ou responsável, ou de terceiro especialmente nomeado pelos genitores, todos devidamente documentados, os quais deverão permanecer no evento durante todo o período que os infantes lá estiverem”.



Também foi determinado que sejam implementados dispositivos para a distinção dos jovens, fato que deverá ser feito através de pulseiras identificadoras.



Em outro trecho da portaria, o juiz diz: “é proibida a entrada de menores de 18 anos em locais onde haverá a livre distribuição de bebidas alcoólicas ou a sua venda a preço simbólico, mesmo que haja ambientes diversos”.



Também ficou definido que durante as matinês não será permitida a venda de bebidas alcoólicas, garantindo assim mais segurança para as crianças que estiverem no recinto do Carnaval de Dourados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Rapaz é espancado por trio após ser acusado de ‘ficar’ com adolescente
JUDICIÁRIO
STF dá 48 horas para Bolsonaro listar ações tomadas contra a Covid-19
CAMPO GRANDE
Polícia resgata duas pessoas que ficaram presas em carro sob forte sol
SOLIDARIEDADE
Campanha Online da UEMS irá ajudar alunos durante a Covid-19
COXIM
Socorrida por bombeiros, mulher arromba armário e furta morfina de hospital
MEIO AMBIENTE
Ambiental captura jiboia com mais de dois metros em residência de Coxim
RECURSOS
MPT destinou R$ 124 milhões para prevenção e combate à Covid-19
BENEFÍCIO
UFGD mantém assistência a estudantes durante suspensão do calendário
CORONAVÍRUS
Câmara aprova projeto de lei que libera remédios sem aval da Anvisa
DOURADINA
Polícia apreende meia tonelada de agrotóxicos na região da Grande Dourados

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações