quinta, 22 de fevereiro de 2024
Dourados
24ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
POLÍCIA

Jovem que matou a ex a tiros se apresenta em delegacia de Dourados  

12 fevereiro 2024 - 16h15Por Carlos Ferraz/Osvaldo Duarte

Diego de Souza Mendonça, 26 anos, acusado de matar a ex-namorada, Mayara Almodin Aran Florenciano, 29 anos, a tiros na madrugada deste domingo, dia 11 de fevereiro, na cidade de Nioaque, está se apresentando neste momento, acompanhado por um advogado, na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), de Dourados.

Havia informações de que Diego tinha fugido, para o Paraguai, já que é estudante de Medicina em uma universidade de Pedro Juan Caballero, cidade que faz fronteira com Ponta Porã. 

O crime aconteceu na madrugada deste domingo (11), na rua Retirada da Laguna, no Bairro São Miguel, em Nioaque. Diego já havia ameaçado a ex-namorada, mas a motivação é desconhecida.

A jovem estava em uma festa de Carnaval, quando pegou carona para ir embora com um casal de amigos. Chegando em casa, antes de descer do carro, outro veículo encostou atrás do automóvel, onde a vítima estava.

Mayara ainda comentou com os amigos que era o seu ex se aproximando. O suspeito então desceu do carro, foi até onde a vítima estava, abriu a porta do passageiro e disparou contra ela várias vezes. Mayara foi atingida por três tiros e socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. 

Após o crime, Diego fugiu em uma caminhonete até a cidade de Maracaju, onde trocou por uma pick-up Fiat/Strada, de um tio e continua fuga até Dourados, onde percebeu um cerco policial e se apresentou na delegacia.

Por força de um mandado de prisão preventiva, Diego ficará em uma das celas da Depac, a disposição da Justiça e não dará nenhuma de declaração.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é preso após furto de carro, colisão em muro e furto de moto
IVINHEMA

Homem é preso após furto de carro, colisão em muro e furto de moto

JUSTIÇA ELEITORAL

Julgamento que pode cassar mandato de Sergio Moro começa em abril

Morador de MS é condenado a 17 anos de prisão por atos golpistas
8 DE JANEIRO

Morador de MS é condenado a 17 anos de prisão por atos golpistas

Confederação reforça parceria e destaca referência de MS no vôlei de praia
ESPORTES

Confederação reforça parceria e destaca referência de MS no vôlei de praia

Diretor de trânsito manda taxistas "quebrarem" motoristas clandestinos no pau
RIBAS DO RIO PARDO

Diretor de trânsito manda taxistas "quebrarem" motoristas clandestinos no pau

REGIÃO 

Reitoria manifesta apoio à luta da categoria técnico-administrativa da UFGD

CAPITAL

"Gangue das Mulheres" volta à ativa e duas são presas após furto em loja

STF

Flávio Dino toma posse como ministro do Supremo Tribunal Federal

CORUMBÁ

Bombeiros e Marinha socorrem jovem atacado por queixada no Pantanal

ATOS GOLPISTAS

Valdemar e Torres depõem na PF sobre tentativa de golpe; Bolsonaro se cala

Mais Lidas

TACURU

Servidores são indiciados por desvio de recursos públicos em cidade do interior do MS

DOURADOS

Família procura homem desaparecido desde a manhã desta segunda em Dourados

PROIBIÇÃO

Projeto que veda por mais 5 anos a captura e comercialização do Dourado passa pela CCJR

POLÍCIA

Homem que seguia com maconha em bicicleta é preso em região rural de Dourados