domingo, 05 de dezembro de 2021
Dourados
36°max
23°min
Campo Grande
33°max
23°min
Três Lagoas
38°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
CLIMA

Inmet detalha riscos de tempestade e ventos de 100km/h em Dourados

22 outubro 2021 - 16h40Por Jhonatan Xavier

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou alerta nesta sexta-feira (22/10), que confirma a previsão de risco de tempo severo para extensa área que inclui Dourados e toda a região do Conesul, com chuva maior de 60 mm e ventos superiores a 100 km/h, além da possibilidade de granizo e tempestade de poeira.

Conforme a previsão, entre sábado (23) e domingo (24), há chance de temporais com ventos que podem superar 100 Km/h em áreas isoladas, chuvas intensas que de até 60 mm por hora, ou 100 mm por dia, trovoadas e a possibilidade de queda de granizo e formação de tempestade de poeira.

O tempo já deve mudar na madruga de sábado, com intensidade no período da tarde se estendendo até a madrugada de domingo.

A previsão atinge a região do Conesul que abrange Dourados, Ponta Porã, Nova Andradina, Sente Quedas, Eldorado e Naviraí.

Nesta quinta-feira (21), uma tabela com a previsão viralizou nas ferramentas de redes sociais, o que causou medo a muitos dos moradores das regiões, principalmente depois das fortes chuvas e ventos da última sexta-feira (15/10), que gerou inúmeros estragos em Dourados e outros municípios.

Hoje, o Inmet divulgou nota esclarecendo que a tabela inicial foi elaborada para um usuário em específico e não para divulgação.

“O Instituto informa à sociedade sobre a previsão de tempo severo não por meio de tabelas, mas por meio de Aviso Meteorológicos que, nos casos de tempestades, são emitidos com 24 horas a 48 de antecedência”, afirma.

Ainda segundo a nota, as informações são divulgadas diariamente na previsão de tempo, gerada para os próximos cinco dias, na página oficial e aplicativo do Inmet.

Conforme o Dourados News informou mais cedo, o clima traz risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e alagamentos.

De acordo com o Guia Clima da Embrapa Agropecuária Oeste, a chuva acumulada neste mês já é de 215.0 milímetros, ante a média mensal de 144.3 milímetros calculada com base em quase quatro décadas de monitoramento climático no município.

Em caso de rajadas de vento o Inmet orienta para que a população não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

Se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Em caso de emergência ligue Defesa Civil (199) ou Corpo de Bombeiros (193).

Tabela apresenta risco de temporal e fortes ventos
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Assaltante invade farmácia na região central de Dourados e rouba dinheiro
ROUBO

Assaltante invade farmácia na região central de Dourados e rouba dinheiro

Polícia faz pente-fino na PED e autua interno por tráfico de drogas
DOURADOS

Polícia faz pente-fino na PED e autua interno por tráfico de drogas

Júri da Kiss: julgamento segue no domingo com depoimento de sócio da boate e mais um sobrevivente
JUSTIÇA

Júri da Kiss: julgamento segue no domingo com depoimento de sócio da boate e mais um sobrevivente

Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes
PANDEMIA

Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes

DEPUTADOS

Audiência na Câmara discutirá implementação da Política Nacional de Defesa

DEZEMBRO VERMELHO

Após 40 anos do primeiro caso, epidemia de HIV/aids ainda mata brasileiros

SAÚDE PÚBLICA

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil

REGIÃO

Polícia prende homem por descumprimento de medida protetiva em Ponta Porã

ILUMINAÇÃO ROXA

Congresso chama atenção para violência contra mulheres com deficiência

INTERNACIONAL

Especialista diz que infecções são leves em crianças sul-africanas

Mais Lidas

DOURADOS

Vídeo mostra jovem deitando em rua antes de acidente

DOURADOS

Homem morre atropelado no Jardim Piratininga e motorista foge do local

DOURADOS

Jovem estava deitado na rua e motorista de caminhão disse que não percebeu atropelamento

TRAGÉDIA

Trabalhador morre após queda de laje em Dourados