Menu
Busca segunda, 06 de abril de 2020
(67) 9860-3221

HU/UFGD precisa de doadoras para Banco de Leite Humano

03 março 2013 - 09h08

O Hospital Universitário da UFGD (Universidade Federam da Grande Dourados) está precisando de doadoras para o Banco de Leite Humano. Hoje, o Banco de Leite pasteuriza em torno de 30 a 40 litros de leite por mês, mas o ideal seria que a produção fosse o dobro disto. Segundo a responsável técnica do Banco de Leite, Tailci Cristina da Silva, o leite coletado das mães doadoras é utilizado para alimentar bebês internados na UTI neonatal e na Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) do HU/UFGD.

O problema é que o estoque de leite materno e pasteurizado é limitado, o que obriga as equipes a também utilizarem as fórmulas para alimentação destes bebês em situação especial. Atualmente, de todo o leite distribuído pelo Lactário do HU/UFGD, pelo menos um terço é fórmula, sendo que o ideal é que fosse 100% leite materno.

O Banco de Leite Humano de Dourados funciona em duas unidades distintas. No Hospital da Vida, estão localizados os laboratório de pasteurização e microbiologia, além da área de esterilização. Antes de ser encaminhado à doação, o leite passa por um rigoroso processo de controle de qualidade e logo depois é pasteurizado, congelado e enviado ao HU/UFGD.

No Hospital Universitário, o leite é condicionado e distribuído aos bebês internados na UTI neonatal e UCI. No HU, para as mães que estão com bebês internados na UI e UTI neonatal, há uma Sala de Ordenha mas neste caso a mãe coleta o leite que irá alimentar apenas o próprio bebê. Este leite vai para o lactário e tem validade de 15 dias. Para doação a outros bebês, o leite precisa passar pela pasteurização, que é feita no Hospital da Vida. Processado, o prazo de validade do leite materno aumenta para seis meses.

###Leite Materno
O leite materno é a alimentação ideal para todos os bebês. O leite humano, por sua composição de nutrientes, é considerado um alimento completo e suficiente para garantir o crescimento e desenvolvimento saudável do bebê durante os primeiros dois anos de vida. É um alimento de fácil e rápida digestão, completamente assimilado pelo organismo infantil.

De acordo com a pediatra neonatologista Andiara Almeida, que integra a equipe da UTI neonatal do HU/UFGD, os benefícios para o bebê vão desde prevenção contra infecções gastrointestinais, respiratórias e urinárias; efeito protetor contra alergias; melhor resposta à vacinação; menos problemas ortodônticos e fonoaudiológicos associados ao uso de mamadeira e até mesmo melhor desempenho em testes de QI. Já para a mãe, o aleitamento materno facilita a involução uterina, além de estar associado a menor probabilidade de desenvolver câncer de mama.

A Organização Mundial de Saúde estima que, a cada ano, 1,5 milhão de mortes poderiam ser evitadas por meio da prática do aleitamento materno. Crianças em aleitamento materno exclusivo sofrem pelo menos duas vezes e meia menos episódios de doenças do que crianças que tomam leite artificial.

###Doações
Estão aptas para doação mulheres saudáveis, que estejam amamentando o próprio bebê e que tenham leite excedente e desejam doar. Para se cadastrar, é necessário apenas entrar em contato com o HU e deixar o nome e telefone no Banco de Leite. Uma equipe entrará em contato e fará uma visita para preenchimento de cadastro, verificação de exames do pré-natal e orientações sobre as técnicas manuais de ordenha.

A ordenha do leite materno é feita em casa, pela própria mãe, que não precisa se deslocar nem mesmo para entrega ao Banco de Leite. Em casa, o leite é congelado e entregue em visitas semanais feitas por uma bombeira ou funcionária do Banco de Leite, com veículo da Secretaria Municipal de Saúde.

As mães que estiverem interessadas em doar leite materno poderão entrar em contato com o Banco de Leite do HU/UFGD, pelo telefone (67) 3410-3000.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Remanescentes de concurso da Guarda entregam kits de prevenção ao coronavírus
PARANAÍBA
MP recomenda a reabertura de comércio não essencial com restrições sanitárias
COVID-19
Tendas são montadas ao lado do HV e equipes realizarão simulações de atendimentos
CAMPO GRANDE
Só de calcinha, mulher dirige na contramão e provoca acidente
Dourados News
Campanha Solidária "Anjos de Dourados"
MOBILIDADE URBANA
Cidades de MS têm novo prazo para assinar contratos de programa de mobilidade
NEGÓCIOS & CIA
Visual informática: Dicas de manutenção preventiva de computadores e notebook
DOURADOS
Cesta básica fica mais cara e pesquisa aponta possível especulação por pandemia
TRAGÉDIA
Motorista douradense morre após acidente no Paraná
BRASIL
Cidades com mais de 50 mil habitantes começam a usar pregão eletrônico

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
DOURADOS
Homem agride gestante e é assassinado a pauladas em favela
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior