Menu
Busca segunda, 26 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

De pai para filho: grupo se reúne há 20 anos para jogar futebol

30 novembro 2017 - 09h45Por Guilherme Pires

Durante aulas de violão e que não passavam de uma brincadeira, Gelson Gonsalves e Cláudio Neves decidiram se reunir e montar um time de futebol. Assim nasceu o Futebol Society TecNet & Musical Canção, que já dura 20 anos e aos domingos, pais e filhos se reúnem para além de estreitar mais os laços de amizade, jogar o clássico futebol em Dourados. 

Para comemorar esses anos de amizade que teve início em 1997, no próximo domingo, dia 03 de dezembro, o time fará uma festa.

“Comemoraremos no próximo domingo (03), no Campo do Dinho, uma festa marcando esses 20 anos, e felizes porque tudo começou como brincadeira e se tornou algo forte”, comentou um dos fundadores Gelson Gonsalves.

O segredo para manter a união é parceria. “O segredo de nos mantermos unidos até hoje é amizade, muita parceria e união, pois fazíamos aulas de violão e após surgir a ideia, decidimos levar adiante”, pontuou Gelson.

Além de unir os amigos, o grupo une também as famílias dos jogadores, até mesmo Evandro Érico Ranzi que mora em Ponta Porã, mas não perde um domingo. “O Evandro não deixa os 120 km de sua casa até Dourados, ser obstáculo para participar dos jogos aos domingos”, disse Márcio Barcelos, responsável pela comunicação. 

Pai para filho

Contendo um número de 20 pessoas, outro ensinamento dos amigos é passar a paixão pelo futebol e a importância da amizade, de pai para filho. É o caso do jogador José Lopes que passou a tradição para o filho Fábio Lopes.

“Quando começamos, o Fábio, filho do José Lopes era criança, o pai o levava no colo, e hoje é o camisa 10 e presidente do time, além de ser um dos destaques do time”, contou Gelson.

O grupo

O responsável pela comunicação do grupo, Márcio Barcelos, tenta resumir o sentimento da equipe. “O legado do Grupo TecNet & Musical Canção está nos momentos de lazer que amenizam as duras rotinas de trabalhos, nas memórias de aventuras e situações inusitadas, nas histórias contadas, nos grandes jogos, mas também nas dificuldades superadas e na vontade de seguir em frente” mencionou.

Márcio ressalta ainda que o grupo realiza eleições periódicas para presidente e tesoureiro. “Há eleição para diretoria do time com uma contribuição financeira mensal de todos os atletas, usadas para cobrir gastos com materiais, manutenções do Campo do Dinho [Dourados] e confraternizações”, finalizou.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL
Publicada pontuação da 2ª etapa do 3º Processo Seletivo para Assessor de Procurador
POLÍTICA
OCDE apresenta relatórios sobre era digital e telecomunicações no país
NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS
Os benefícios de morar em condomínio fechado em Dourados
REGIÃO
Homem é preso após acusação de violência doméstica em Mundo Novo
PORTO MURTINHO
Mais de 700 kg de maconha abandonada às margens de rodovia é apreendida
REGIÃO
Foragido da Justiça é capturado durante patrulha de rotina da PM
CRIME AMBIENTAL
PMA apreende motosserra ilegal e autua responsável em R$ 1 mil
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto pode criar cota de 5% para contratação de artistas de baixa renda e idosos
REGIÃO
Homem esconde botijão em edredom para cometer furto e acaba preso
SES
Apesar de curva descendente, pandemia do coronavírus não acabou, alerta Saúde

Mais Lidas

DOURADOS
Guarda encerra festa organizada por adolescente em plena pandemia, apreende droga e até arma artesanal
DOURADOS
PM é acionada e consegue evitar suicídio de homem em hotel
DOURADOS
Homem invade casa, tenta estuprar jovem e é detido por populares
DOURADOS
Homem é socorrido às pressas após levar golpes de facão na cabeça