Menu
Busca sexta, 22 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397

Greve dos bancários da Caixa continua hoje em Dourados

21 outubro 2003 - 06h08

Os bancários da Caixa Econômica Federal decidiram no início da noite de ontem, em assembléia realizada na sede do Sindicato dos Bancários, que vão permanecer em greve hoje, e pelos próximos dias, até que a direção da instituição se manifeste quanto às reivindicações. Eles protestam pelo descaso da diretoria do banco, que ignora a função social desempenhada pelos trabalhadores. "Quem mais perde é a população, especialmente os trabalhadores mais humildes e quem tem que receber o Seguro-Desemprego", reclama o presidente do Sindicato, Joacir Rodrigues de Oliveira. Cerca de 50 dos 80 funcionários da Caixa em Dourados participaram da assembléia e alguns dos manifestantes defendem o acirramento do movimento, para que a própria população passe a ser uma aliada mais forte nessa campanha. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Novos profissionais comemoram graduação em Medicina na UFGD
LEGISLATIVO
Projeto susta decisão da Receita Federal sobre exportação de suco de laranja
Jiboia é capturada nos fundos de residência em Bonito
MEIO AMBIENTE
Jiboia é capturada nos fundos de residência em Bonito
PANDEMIA
Número de casos de Covid-19 chega a 8,75 milhões no Brasil
REGIÃO
Sanesul apresenta investimentos em saneamento à prefeitura de Água Clara
IMUNIZAÇÃO
Projeto exige dados sobre raça, sexo e pessoa com deficiência em notificações de Covid
ESPORTE
Juventude bate Figueirense e segue na luta pelo acesso à Série A
Fisioterapia e Farmácia estão entre as profissões que mais crescem na pandemia
R$ 7,9 MILHÕES
Rede de coleta de esgoto avança em Guia Lopes da Laguna
Vestibular 2021
Em Amambai, Uems oferece vagas para cursos de Ciências Sociais e História

Mais Lidas

DOURADOS
Segundo corpo encontrado às margens da BR-163 é identificado
VIAGEM SANTA
PF deflagra operação contra tráfico de drogas em empresas de turismo religioso de Dourados
DOURADOS
Um dos corpos encontrados às margens da BR-163 foi quase decapitado
DOURADOS
Alvo da PF, empresário foi preso com armas e fortuna ao sofrer atentado em 2019