Menu
Busca terça, 27 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Escolas mantém horta com participação de alunos e subsídio da Semaf

26 novembro 2017 - 11h45Por Da Redação

Projetos de hortas mantidos em escolas municipais de Dourados têm resgatado valores, permitido mais qualidade de vida para a comunidade escolar destas unidades e destacado a participação da Secretaria Municipal de Agricultura Familiar (Semaf) nas ações. Tudo graças a projetos que as escolas têm idealizado e que conquistam frutos positivos, servindo como referência.
 
Esta semana, alunos da Escola Municipal Fazenda Miya, fizeram a colheita da produção, resultado de uma parceria entre a escola, através da Secretaria Municipal de Educação, e a Semaf. Segundo a coordenadora das Escolas do Campo, Angelita Barros, o projeto é denominado ‘Horta na Escola’ e já acontece na Escola Municipal Coronel Firmino Vieira de Matos, também no Guassu.

“A equipe da Semaf foi na escola, fez os canteiros e forneceu as mudas. Daí em diante, a escola tem a responsabilidade de cuidar”, explicou.
 
Segundo Angelita, as hortaliças são utilizadas na merenda escolar e até distribuídas para os alunos levarem para casa, devido ao sucesso da produção. “Nosso intuito é estender estes projetos e manter estas parcerias”, disse.
 
Segundo o engenheiro agrônomo da Semaf, Marcelo Resende, a secretaria atende às escolas de acordo com o projeto que elas desempenham e, em Dourados, além das escolas no Guassu, outras duas unidades municipal mantém hortas e obtiveram apoio. “O que nos deixa muito feliz é que estas são iniciativas das próprias escolas. Não é um projeto da Semaf, embora a secretaria contribua. Isto mostra que as escolas têm se preocupado com a consciência agroecológica”, disse.
 
Em geral, a Agricultura fornece insumos como a maravalha (componente da preparação do solo) e mudas, além da preparação dos canteiros e orientações sobre o plantio, as melhores cultivares, entre outros. “Tudo deve ter um planejamento e a escola deve procurar a Semaf para que esta programação ocorra e a demanda seja suprida”, explicou Marcelo, ressaltando, por exemplo, que as mudas carecem de tempo para serem produzidas.
 
Ainda segundo a Semaf, três escolas estaduais recorreram à Secretaria de Agricultura do município com o intuito de receber apoio para a implantação de horta nas escolas. As unidades estaduais Rita Angelita, Floriana Lopes e Alício Araújo foram assistidas. Além disso, outro projeto parecido nas escolas da Reserva Indígena, idealizado pela comunidade nas aldeias, recebeu assistência da Semaf.
 
 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Câmara rejeita veto do Executivo sobre projeto de incentivo a energia solar
PANDEMIA
MS confirma 474 novos casos de coronavírus e reduz número de internações
UNIÃO
Governo inclui Unidades Básicas de Saúde em programa de concessões
ELDORADO
Homem é preso agredindo mulher a golpes de corrente
ANASTÁCIO
Polícia fecha 'boca de fumo' e encontra menor gerenciando o tráfico
JUSTIÇA
Negada indenização a ex-companheiro por briga mútua com antigos cunhados
DOURADOS
Dupla que furtou loja de shopping é autuada em flagrante e fica presa no 1º DP
DOURADOS
Construtora aceita pagar R$ 444 mil por trecho de calçada, em 10 parcelas
PANDEMIA
Dourados confirma mais 79 casos de coronavírus e ultrapassa 8,3 mil infectados
POLÍTICA
Bolsonaro coordena hoje 38ª Reunião do Conselho de Governo

Mais Lidas

GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
DOURADOS
Guarda encerra festa organizada por adolescente em plena pandemia, apreende droga e até arma artesanal
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade
TEMPESTADE
Chuva e ventos de 46km/h derrubam árvores e levam sujeira às ruas de Dourados