Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Embrapa divulga estudo sobre chuvas na Bacia do Rio Dourados

19 dezembro 2003 - 12h51

Um projeto de pesquisa recém-concluído por pesquisadores da Embrapa Agropecuária Oeste, instituição vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, estudou as características do regime pluviométrico da Bacia do Rio Dourados. Parte dos resultados deste projeto está sendo divulgada em uma publicação sobre a probabilidade de ocorrência de chuvas nessa bacia. A Bacia do Rio Dourados é composta, em parte ou integralmente, pelos municípios de Dourados, Ponta Porã, Antônio João, Laguna Carapã,  Fátima do Sul, Caarapó, Glória de Dourados, Vicentina, Jateí, Ivinhema e Deodápolis. O projeto foi desenvolvido pelos pesquisadores Carlos Ricardo Fietz, Mário Artemio Urchei e Éder Comunello, sob coordenação do primeiro. Segundo o coordenador do projeto, uma bacia hidrográfica é a unidade geográfica mais favorável para o planejamento integrado e o gerenciamento dos recursos naturais. “A bacia do Rio Dourados, uma das mais importantes de Mato Grosso do Sul, tem como base de sua economia a agricultura, uma atividade fortemente influenciada pela freqüência de chuvas. Daí a importância desse estudo”. Ricardo explica que o comportamento da chuva pôde ser bem definido na bacia. Na publicação, as probabilidades de ocorrência foram determinadas para períodos de dez dias. Para a realização do estudo, os pesquisadores percorreram a região para localizar e disponibilizar para o projeto séries de chuvas diárias, confiáveis e de, no mínimo, dez anos. O estudo foi realizado com base em dados coletados em duas estações meteorológicas e em cinco postos pluviométricos. A análise do comportamento das chuvas é parte dos resultados do projeto “Caracterização da bacia hidrográfica do Rio Dourados, MS”, iniciado em 2000, financiado pela Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de  MS (Fundect). Além da análise das chuvas, estudou-se também a evapotranspiração e o balanço hídrico seriado dos solos. O estudo já gerou outras 11 publicações, além desta. De acordo com Carlos Ricardo Fietz, um dos objetivos da Embrapa Agropecuária Oeste é estudar todas as bacias do Estado. Esta publicação será encaminhada aos profissionais da assistência técnica, empresas de planejamento, cooperativas, instituições de pesquisa e extensão, universidades e também está disponível no site www.cpao.embrapa.br. Informações pelo telefone 67 425-5122 ou pelo e-mail sac@cpao.embrapa.br.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia encontra cocaína em chaleiras que iriam para a Espanha
PARAGUAI
Polícia encontra cocaína em chaleiras que iriam para a Espanha
ESTADOS UNIDOS
Júri declara ex-policial Derek Chauvin culpado pela morte de George Floyd
Casal é preso enquanto aplicava golpe em seguradora da fronteira
Nelsinho Trad fará requerimento para profissionais de transporte de pessoas
POLÍTICA
Nelsinho Trad fará requerimento para profissionais de transporte de pessoas
DOURADOS
Motociclista morre no HV 18 dias após sofrer acidente no centro
UFGD
Prazo para inscrever projetos de Iniciação Científica termina na próxima semana
MEIO AMBIENTE
PMA de Dourados captura família de gambá no Jardim Água Boa
CÂMARA
Deputados aprovam urgência de projeto para privatizar os Correios
Transportando 26 cavalos ilegalmente, idoso é preso com dólares e reais
REGIÃO
Presidente da Assomasul destaca emenda que cria o ICMS Educacional 

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro