segunda, 22 de abril de 2024
Dourados
27ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Dourados poderá ter um Pólo de Educação em Saúde

16 setembro 2003 - 14h30

Dourados pode vir a ter um Pólo de Educação Permanente em Saúde. A novidade foi anunciada pelo secretário de  Saúde de Mato Grosso do Sul, João Paulo Barcellos Esteves, durante a IV Conferência Municipal de Saúde que terminou o último sábado na Câmara dos Vereadores.Segundo o secretário, durante a última reunião que teve na semana passada em Brasília, o Ministério da Saúde quer implementar 50 pólos de educação permanente em todo o país. Um deles irá para Campo Grande, mas João Paulo assumiu o compromisso de trazer um segundo pólo para Dourados. “Esta pequena quantidade faz com que a gente imagine que o Mato Grosso do Sul só teria um pólo. Naturalmente este pólo é em Campo Grande. Mas eu pautei no ministério e vou fazer todo o esforço possível para que Dourados seja também um pólo porque Dourados é um centro de referência para 34  municípios compondo uma região de mais de 800 mil pessoas”, salientou o secretário.A criação de um pólo permanente de educação para a saúde foi uma das reivindicações de trabalhadores do setor durante a conferência. Este fórum será composto por diversas instituições como a secretaria municipal de saúde, universidades, conselhos gestores e sociedade civil que juntas vão definir uma estratégia de capacitação e qualificação para profissionais de saúde de Dourados e região. “Não dá para centralizar tudo isso em Campo Grande e pela vocação da formação que Dourados tem na graduação, pós-graduação, com as suas universidades como a UEMS, a Unigran e com a Universidade Federal da Grande Dourados, eu acho que mais do que nunca é pertinente Dourados se qualificar como pólo de educação permanente para os trabalhadores do SUS”, afirma João Paulo.O secretário exemplificou que se Dourados tem enfermagem de qualidade e um déficit de psicólogos caberá ao fórum providenciar, junto com instituições de ensino locais, serviços para subsidiar a linha de formação. “A existência deste fórum será de grande ajuda para a região sul do Estado podendo dar um fim às carências de profissionais da região”, informa João Paulo. “Quem sabe das carências de Dourados é o próprio município não devemos ser nós de Campo Grande e de outros locais que devemos vir aqui e dizer o que a região precisa. Quem tem que dizer é a própria grande região de Dourados”, disse o secretário. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Procon/MS inicia projeto para atendimento aos Povos Originários

Procon/MS inicia projeto para atendimento aos Povos Originários

Prefeitura e Câmara lamentam o falecimento do ex-vereador José Braga
DOURADOS 

Prefeitura e Câmara lamentam o falecimento do ex-vereador José Braga

Veículo roubado em Angélica é recuperado horas depois em Naviraí
POLÍCIA

Veículo roubado em Angélica é recuperado horas depois em Naviraí

Dupla é presa com contrabando milionário de produto contra a calvície
MS

Dupla é presa com contrabando milionário de produto contra a calvície

Ministério da Saúde garante instrumento para cuidado da pessoa com transtorno do espectro autista
SAÚDE E BEM-ESTAR

Ministério da Saúde garante instrumento para cuidado da pessoa com transtorno do espectro autista

DOURADOS

Campanha quer arrecadar 30 mil peças de roupas para atender pessoas em vulnerabilidade social

TRÁFICO

PRF e PM realizam maior apreensão de maconha do ano em Jardim

MS ATIVO MUNICIPALISMO

Com prefeitos e vereadores, Riedel lança 'maior programa municipalista de MS'

MS

Jovem é flagrado com contrabando milionário que entregaria em SP

ARTIGO

Caminhão de coleta de lixo - Código de Trânsito Brasileiro

Mais Lidas

COTAÇÃO

Soja segue em destaque no mercado do agro em Dourados, confira cotação

DOURADOS

Justiça manda arquivar processo de improbidade contra envolvidos na Operação Pregão

DOURADOS 

Jovem é estuprada após ser abordada por desconhecido em Saveiro branco

DOURADOS 

Mulher de 46 anos morre atropelada por motocicleta na MS-156