Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Dourados leva qualificação profissional para os indígenas

05 outubro 2005 - 11h30

A Prefeitura de Dourados está investindo na qualificação profissional e geração de renda da população indígena, com a implantação dos primeiros cursos do Programa Coletivos de Qualificação para o Trabalho na sede do Programa de Atenção Integral à Família (Paif) da aldeia Bororó. As aulas de horticultura, adornos indígenas, mecânica de bicicleta e arte no tear podem significar os primeiros passos aos 80 indígenas inscritos, rumo à conquista de uma maior viabilidade financeira e o principal, valorizando sua cultura. Nos últimos dois anos em que o programa vem sendo executado pelo município mais de 6 mil pessoas da cidade e dos distritos foram qualificadas e inseridas no mercado de trabalho solidário, formando uma rede de economia alternativa ao capitalismo que valoriza o trabalhador e não permite sua exploração. Para o vice-prefeito Albino Mendes "é uma grande alegria ver que o que a Prefeitura faz na cidade ela também traz para a aldeia, prova do grande carinho que a administração tem pela comunidade indígena". Albino Mendes também afirmou que além de estarem aprendendo como ajudar na renda familiar sem perder sua história, eles estarão comemorando cada novo ensinamento, "coisas como o concerto da primeira bicicleta, ninguém vai esquecer". Outro grande incentivo para a preservação e produção do artesanato indígena nos cursos de arte no tear e adornos indígenas será a construção da Casa do Artesanato Indígena em área próxima a rodovia. "Quanto mais pessoas estiverem aprendendo, mais produtos estarão produzindo e maior serão as vendas, fortalecendo o resgate da cultura indígena e ainda gerando renda para as famílias", disse a coordenadora especial de Políticas para a Mulher, Zonir Freitas Tetila, durante a abertura do Programa Coletivos de Qualificação para o Trabalho.Cerca de 80 homens e mulheres estão participando desses primeiros cursos que começaram a ser ministrados na semana passada por instrutores do Senai e do Senac, parceiros da Prefeitura na realização das capacitações. A secretária municipal de Assistência Social e Economia Solidária, Ledi Ferla, destacou que "para a escolha dos cursos de qualificação que viriam para a aldeia, a Prefeitura escutou os índios para que eles dissessem suas necessidades e fossem atendidos de acordo com sua realidade".

Deixe seu Comentário

Leia Também

Prefeitura dá início a entrega de Kits Alimentação para mais de 8 mil alunos
DOURADOS
Prefeitura dá início a entrega de Kits Alimentação para mais de 8 mil alunos
Dourados estreia com derrota para o  Comercial no hexagonal
FUTEBOL
Dourados estreia com derrota para o Comercial no hexagonal
Resultados de exames para Covid-19 podem ser acessados sem sair de casa em MS
PANDEMIA
Resultados de exames para Covid-19 podem ser acessados sem sair de casa em MS
DOURADOS
Campanha quer arrecadar alimentos entre pessoas vacinadas contra a Covid
Derrubada ilegal rende multa de R$ 36 mil a fazendeiro
CRIME AMBIENTAL
Derrubada ilegal rende multa de R$ 36 mil a fazendeiro
IVINHEMA
Polícia encontra mais de 800kg de maconha em casa alugada para o tráfico
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 2,5 milhões amanhã
JOGOS DE TÓQUIO
Sorteio define grupos das seleções masculina e feminina de futebol na Olimpíada
DOURADOS
Prefeitura pede apoio do Governo Federal para resolver falta de água potável nas Aldeias
IMUNIZAÇÃO
Estado espera nova remessa de vacinas contra a Covid entre quinta e sexta-feira

Mais Lidas

DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro
DOURADOS
Perícia não encontra sinais de violência e morte de mulher pode ter sido por causas naturais
DOURADOS
Mãe de menor que organizou festa clandestina com mais de 40 pessoas é presa
TIRADENTES
Comércio, vacinação e bancos; veja o que funciona no feriado em Dourados