Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Dagoberto garante candidatura de Artuzi à prefeitura de Dourados

27 março 2008 - 14h57

O deputado federal Dagoberto Nogueira Filho, primeiro-vice-presidente do diretório estadual do PDT, garantiu nesta quinta-feira que o deputado estadual Ari Artuzi será candidato a prefeito de Dourados nas eleições deste ano. “A candidatura do Ari Artuzi é irreversível. Ele só não será candidato se não quiser ou se morrer. Será candidato e será prefeito de Dourados”, afirmou Dagoberto. O parlamentar faz parte da comitiva da Câmara Federal que está em Mato Grosso do Sul para investigar as mortes de crianças índias por desnutrição.
Ao lado de Ari Artuzi, Dagoberto afirmou que o compromisso do PDT com o deputado douradense será cumprido. Ele rebateu especulações de que um “acerto” entre a direção estadual do partido e outras legendas poderia impedir a candidatura de Artuzi. “Prefiro nem comentar essas especulações. Isso é um absurdo. Acerto pode ocorrer em qualquer partido, menos no PDT. Eu jamais aceitaria isso e saio do PDT se o Ari Artuzi não for candidato por decisão do partido”, declarou Dagoberto Nogueira.
Falando como deputado e como dirigente do partido, Dagoberto deixou claro que o PDT não aceitará pressão para abrir mão da candidatura de Artuzi. “Não tem presidente da República, não tem governador, não tem prefeito que vai impedir a candidatura do Ari Artuzi. Repito: ele só não será candidato se não quiser ou se matarem ele antes (sic). Como ele quer e como não acredito que alguém possa querer matá-lo, então ele será candidato e será prefeito de Dourados”, disse o deputado federal.
Dagoberto Nogueira comentou sobre a resistência do governador André Puccinelli (PMDB) em apoiar a candidatura de Artuzi. “O Ari não vai desistir de ser candidato. O PDT não vai abrir mão de lançá-lo candidato a prefeito de Dourados. Se o André não o aceita como candidato, azar dele. Vai perder a oportunidade de estar do lado do candidato vitorioso”. Entretanto, ele afirmou ser possível até mesmo o governador apoiar a candidatura de Artuzi. “Até a convenção muita coisa pode acontecer. O apoio do governador seria importante até para manter o bom relacionamento da base aliada”, declarou Dagoberto.

TRE
Dagoberto Nogueira Filho comentou também a ação do PMDB para reaver, no TRE (Tribunal Regional Eleitoral), o mandato de Ari Artuzi alegando que o deputado cometeu infidelidade partidária. “Acredito que o presidente do TRE vai fazer justiça e manter o mandato com o Ari Artuzi, até por respeito ao povo de Dourados e aos 37 mil eleitores do deputado. Independente disso, o Artuzi será candidato a prefeito pelo PDT nas eleições deste ano”, garantiu.
O deputado considerou “absurda” a resolução do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que determina devolução do mandato ao partido de quem trocou de legenda após 27 de março de 2007. “A lei é boa, mas a resolução do TSE é inconstitucional. Foi feita de surpresa. Ainda bem que o STF já deu um basta nisso ao decidir que cabe recurso a essa medida absurda”, declarou Dagoberto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Jovem é amarrada, espancada e tem roupas rasgadas por ex
PRESO NO RIO
Ministro do STF nega transferência de Roberto Jefferson para hospital
TRÁFICO
Demitida por ir ao médico, mulher é presa com maconha em Aeroporto
UEMS
Auxílio Mobilidade Internacional abre inscrições para seleção de propostas
JUSTIÇA
Tenente filmado agredindo mulher é condenado a 1 ano e 5 meses
IMUNIZANTE
Fiocruz entrega 4,5 milhões de doses de vacina contra a covid-19
Menina diz ter sido estuprada por veterinário em festa de casamento
VIAGENS
Consulados dos Estados Unidos voltam a emitir visto para brasileiros
CORUMBÁ
Motorista que morreu em acidente viajava a trabalho de empresa alimentícia
POLÍTICA
Câmara de Dourados aprova mais 10 projetos de lei em Sessão Ordinária 

Mais Lidas

CLIMA
Vendaval atinge Dourados e deixa rastro de destruição
DOURADOS
Namorada posta 'status' de jovem com arma, polícia rastreia carro e prende rapaz
DOURADOS
Três vias de Dourados passam a ser "mão única"
DOURADOS
Mulher "roleta" Weimar, causa acidente e deixa motociclista ferido gravemente