Menu
Busca sexta, 05 de junho de 2020
(67) 99659-5905
GREVE DOS CORREIOS

Agências funcionam, mas serviços são prejudicados

20 setembro 2017 - 09h54

Após Assembleia Geral realizada ontem (19), em Campo Grande, foi deliberado a greve dos Correios em todo o Estado de Mato Grosso do Sul, seguindo a orientação do Comando de Negociação da Federação. A greve é a nível nacional.

Em Dourados, na manhã desta quarta-feira (20), os trabalhadores se concentraram em frente a agência central, na Rua João Cândido da Câmara, esquina com a Weimar Gonçalves Torres.

As reivindicações são por reajuste salarial, contratação de trabalhadores entre carteiros e atendentes e outras deliberações.

Adriano Teles, diretor do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios de Mato Grosso do Sul (SINTEC-MS), destacou os direitos que a categoria pode perder.

"O governo que prolongar o reajuste para dezembro, já que a Reforma Trabalhista já terá entrado em vigor. E nós também não queremos perder os direitos como plano de saúde, ticket alimentação", afirma.

O diretor do Sindicato disse ainda que a greve também é pela manutenção dos serviços e que a paralisação é um momento ímpar. "Em Dourados nós necessitamos de pelo menos, mais 20 trabalhadores entre carteiros e atendentes, para que o atendimento à população não fique mais prejudicado".

Ainda de acordo com o Diretor do Sindicato, em Dourados, 70% da categoria deve parar, prejudicando assim, a entrega de cartas, contas e outros serviços.

O horário nas Agência deve variar conforme a decisão de cada gerente e nesta quarta o atendimento segue normal, porém, os serviços são prejudicados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL
Dia Mundial do Meio Ambiente: Compromisso e respeito da Sanesul
GOIÁS
Bolsonaro vai sem máscara inaugurar hospital, escorrega e cai
JUSTIÇA
Pessoa com deficiência deverá receber suporte para conclusão de CNH
COSTA RICA
Aneurisma cerebral matou jogador de 19 anos, filho de vereadora
CLIMA
Temperatura despenca 11°C em pouco mais de três horas em Dourados
EDUCAÇÃO
Escolas particulares podem retomar aulas presenciais na Capital em julho
SAÚDE
Decreto regulamenta descarte adequado de medicamentos
REPATRIADO
Brasileiro é “resgatado” na Bolívia após contrair coronavírus
ECONOMIA
Dólar recua e fecha abaixo de R$ 5 pela primeira vez desde março
PENA MANTIDA
Justiça nega recurso de condenado por estelionato

Mais Lidas

PANDEMIA
Em disparada, casos de Covid-19 tem novo recorde diário e passam de 400 em Dourados
EPICENTRO
Casos de coronavírus "explodem" e Dourados registra recorde de confirmações
PANDEMIA
Comitê aponta surtos de coronavírus em dois pontos de Dourados
DOURADOS
Conselho aponta riscos de contaminação em massa por coronavírus no HV