Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Convênio atenderá adolescentes de entidade de Dourados

01 dezembro 2004 - 09h56

Com o objetivo de viabilizar recursos para a Associação dos Patrulheiros Mirins de Dourados, o secretário de Estado de Trabalho, Assistência Social e Economia Solidária, Sérgio Wanderly Silva, o deputado estadual Ari Artuzi (PDT) e o presidente da entidade, Marcos Dias de Paula, assinaram, na tarde de ontem, na secretaria, convênio no valor de R$ 29 mil.O recurso será disponibilizado pelo Fundo de Investimento Social (FIS), criado pela Lei nº 2.105/2000, para a implementação dos programas sociais do governo do Estado, através da arrecadação financeira, e será destinado à aquisição de 15 microcomputadores e três impressoras para o laboratório de informática a ser montado para capacitação profissional dos adolescentes. A previsão é oferecer as aulas de informática, bem como cursos de assistente administrativo, office-boy e telefonista, a partir de janeiro de 2005.A entidade atende, atualmente, 413 alunos de 14 a 18 anos de idade com reforço escolar, cursos de liderança, atividades esportivas e oficinas culturais de música, dança e teatro. E, além do atendimento socioeducativo, realiza, também, encaminhamentos para o mercado de trabalho.Segundo o presidente, Marcos Dias de Paula, uma das propostas da Patrulha, que já atendeu mais de cinco mil alunos desde a sua criação, é incentivar o protagonismo juvenil. Hoje, os adolescentes são considerados sócios da entidade e participam da administração com direito a voto. Além disso, desde 1997, a diretoria institucional passou a ser formada por ex-patrulheiros.A Patrulha Mirim de Dourados é uma organização não-governamental existente há 17 anos em Dourados que, pela primeira vez, recebe recursos disponibilizados através de emenda parlamentar.O secretário Sérgio Wanderly Silva, no ato da assinatura da emenda, mencionou a importância de viabilizar recursos a fim de atender a entidades da rede de apoio que deles necessitam. “A pobreza não é apenas falta de recursos financeiros. É uma questão de auto-estima.” Sérgio Wanderly enfatizou a importância do protagonismo dos jovens, dizendo que é fundamental que a criança, desde cedo, seja o agente da sua própria história.   Keyla Tormena - Setass 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Julho registra queda de mais de 50% de casos e óbitos com relação a junho
BALANÇO
Julho registra queda de mais de 50% de casos e óbitos com relação a junho
Após ideia de filha, empresária cria 'varal comunitário' para ajudar quem tem frio
DOURADOS
Após ideia de filha, empresária cria 'varal comunitário' para ajudar quem tem frio
BRASIL
Apostas da Lotofácil da Independência começam hoje
Assinatura de veículos: Um novo nicho de mercado
VEÍCULOS MS
Assinatura de veículos: Um novo nicho de mercado
Alison e Álvaro Filho passam por mexicanos e estão nas quartas de final
JOGOS DE TÓQUIO
Alison e Álvaro Filho passam por mexicanos e estão nas quartas de final
BAIXA UMIDADE
Há mais de 50 dias sem chuvas expressivas, Dourados tem alerta
COMER BEM
Aprenda a fazer esse maravilhoso cappuccino com ganache
TAÇA BRASIL
Magnus deixa Dourados com título inédito da competição ao vencer JEC
DOURADOS
Família de detetive assassinada vai à polícia agradecer investigação
PANDEMIA
Em dia de números baixos, MS se aproxima de 9 mil óbitos pela Covid

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS